Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2012

As vísceras das CPIs

Matéria da “Folha” de ontem (30) revela o que os políticos sabiam desde a votação do relatório da “CPI do Mensalão”, em 2005: o PT exigiu modificações no texto do sub-relator ACM Neto (DEM-BA) para retirar referências à Fábio Luís (Lulinha), filho do ex-presidente Lula, ou rejeitaria, juntamente com a base aliada, o relatório. > A Gamecorp As investigações da CPI apontavam que a Gamecorp (criada por Fábio Luís, em 2004, com um capital de R$ 10 mil) recebeu em seguida um aporte de R$ 5 milhões da OI, o que seria um dos canais financeiros do mensalão. > ACM Neto, Osmar Serraglio e Delcídio Amaral confirmam ACM Neto (DEM-BA), sub-relator da CPI, Osmar Serraglio (PMDB-PR), relator e o presidente, senador Delcídio Amaral (PT-MS), confirmam as pressões do Planalto para retirar as referências a Lulinha do relatório. Os dois últimos, quando indagados sobre de quem, especificamente, partiam as pressões, cerravam os lábios. Osmar Serraglio traiu-se na semana passada, em uma ent

Desde priscas eras

Eu sempre digo que a política, desde priscas eras, é a profissão mais arriscada do mundo. Alguns cobram, para exerce-la, altíssimos adicionais de insalubridade e periculosidade, o que a torna mais insalubre e muita mais perigosa ainda. O pior de tudo é que o sistema a torna um vício do qual os adictos não se conseguem livrar, pois passam a depender da droga para seguirem a busca incessante do poder. 

Seria Andressa Mendonça a Mata Hari do cerrado?

O Ministério Público Federal em Goiás instaurou dois inquéritos para investigar Andressa Mendonça, a “musa da CPI do Cachoeira”. Um dos inquéritos apura os bens em nome de Andressa: o MPF tem indícios de que ela seja “laranja” de Cachoeira. Outro investiga a tentativa de corrupção ativa praticada contra a procuradora Léa Batista e chantagem ao juiz federal Alderico Santos, que recebeu um bilhete ameaçando publicar um dossiê que lhe descrevia o envolvimento com políticos e empresários. > Andressa seria pombo-correio de Cachoeira Os procuradores também acreditam que Andressa Mendonça seria mensageira do grupo criminoso chefiado por Cachoeira: as suas visitas ao bicheiro serviam para receber determinações e passá-las à estrutura criminosa assim como levar até ele as informações dessa estrutura. “Isso demonstra que a organização criminosa continua em ação”, afirmou o procurador federal Daniel Salgado, que avalia ter o grupo um “claro parâmetro mafioso”, que usa “a chantagem como um d

Luiza: a nossa bela ginete

O brotinho na foto é a paulista Luiza Almeida, 20 anos, representante do hipismo brasileiro em Londres, na modalidade adestramento e considerada, na categoria, uma das 50 melhores do  mundo. Em 2008, aos 16 anos, Luiza entrou para o Guinness Book como a atleta mais jovem a disputar uma Olímpiada (Pequim). Luiza herdou a paixão por cavalos do pai, Manuel Tavares de Almeida Filho, um dos herdeiros do Grupo Tavares de Almeida, que dentre outras empresas, é dono do banco Luso Brasileiro e da cachaça Velho Barreiro, uma das marcas mais vendidas no Brasil. Sai pra lá Dunga, ou acabas levando um coice do puro sangue que a nossa amazona monta.

Nos tempos do faroeste

O prefeito de Redenção, Wagner Fontes, nega a ameaça, que foi registrada pelos jornalistas na PF e  publicado em “O Globo”, em 29.07.2012.

Porque a derrota é órfã

Jean Tulard escreveu, em “ Napoleão, O Mito do Salvador ”, que embora o corso tenha vencido muitas batalhas, nada foi tão prodigioso quanto a sua marcha de 20 dias de Golfe-Juan a Paris, quando ele fugiu do exílio em Elba. Por onde passava era aclamado e seguido. Luís XVIII despachou o 5º exército para prende-lo. Quando a infantaria fez sentido a sua frente ele desceu do cavalo e desafiou: " Aqui estou! Matem seu imperador, se assim o quiserem! ". O 5º exército, ao ver aquele que comandou o Grande Armée nas suas mais gloriosas vitórias, rendeu-se em uníssono: “ Viva o Imperador! ", e juntou-se a ele. Os portões de Grenoble foram fechados para lhe impedir a passagem: o povo derrubou os portões e iluminou a passagem de Napoleão com tochas. Quando a marcha alcançou Lyon, já arrastava mais de vinte mil franceses e Napoleão rompeu Paris carregado até o Palácio das Tulherias, de onde Luís XVIII já fugira. > O governo de 100 dias Naquela noite Napoleão não sabia q

A vigília de Golan

Bashar al-Assad sorve deserções internas com a fuga de importantes membros do seu exército, e externas, como o rompimento unilateral do drusos de Golan com o regime. > Drusos de Israel vigiam a fronteira Os drusos (tribos apátridas espalhadas pelo Médio Oriente, cuja diferença dos tuaregs é que não vagueiam) das colinas de Golan passaram a monitorar a fronteira dos arredores da aldeia síria de Jebata al-Khashab, a partir de um posto do Exército de Israel. Temerosos que o aumento da violência, patrocinada pela liça entre Damasco e os rebeldes, expulsem os sírios de Jebata al-Khashab rumo a Golan, eles se querem precaver para impedir que as emigrações atinjam os seus domínios. > Turquia fechou a fronteira com a Síria A Turquia também fechou as suas fronteiras com a Síria, após a passagem de milhares de fugitivos das escaramuças cada vez mais frequentes. Disse Victor Hugo, o maior gênio da literatura mundial, que “as guerras e as revoluções matam e desterram mais pessoas do que

O final da saga Crepúsculo escrito pelo diretor de Branca de Neve e o caçador

Marina Silva rouba a festa em Londres

Foi uma geral surpresa a presença da ex-ministra e ex-candidata à presidência da República, Marina Silva, como convidada oficial do Comitê Olímpico Internacional (COI), no desfile da cerimônia de abertura da Olimpíada de Londres, ontem (27). A entrada de Marina foi triunfal: ela empunhava, juntamente com celebridades internacionais, como o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, o maestro argentino Daniel Barenboim, o eterno boxeador Muhammad Ali e recebedores de prêmios Nobel, a bandeira com os anéis olímpicos. > Delegação oficial brasileira ensaiou crise diplomática A reação da delegação oficial brasileira foi de surpresa e certo constrangimento (pura inveja). A nossa chancelaria reclamou que o COI deveria ter comunicado que Marina desfilaria. A presidente Dilma, com quem Marina teve desinteligências e a quem Marina debita a sua saída do Ministério do Meio Ambiente, engoliu o triunfo a palo seco. > Aldo Rebelo: "fazer o quê?" O único que encaixou o capote com cort

Cinema mexicano que projetava o novo filme de Batman tem princípio de incêndio

Mais um episódio, desta feita sem vítimas, entra para a " Maldição do Batman ": um cinema da cidade mexicana de Zapopan, onde ontem (27) estreava "Batman - O Cavaleiro das Trevas Ressurge", teve um início de incêndio e cerca de 800 espectadores, tiveram que ser evacuados. O fogo iniciou em uma lixeira, provavelmente por alguém ter lá jogado um cigarro para entrar na sala de projeção. Acho bom rezarmos um terço antes de assistirmos.

Ministro Gilmar Mendes (STF) consta em lista de pagamentos do mensalão mineiro

Quando o ex-presidente Lula se encontrou com o ministro Gilmar Mendes (STF) no escritório de Nelson Jobim, alertou-o que tinha bala na agulha: o nome do ministro estaria lavrado como um dos beneficiários do mensalão mineiro. Lula apurou a mira, mas Gilmar fugiu da alça e construiu, do encontro, um álibi para quando o tiro disparasse. > Gilmar Mendes teria recebido R$ 185 mil O tiro disparou ontem (27), em calibre menor do que Gilmar poderia esperar, mas suficiente para lhe causar fortes dores de estômago: a Carta Capital , em matéria de capa, publica uma lista, referente ao mensalão mineiro (campanha de reeleição do então governador tucano Eduardo Azeredo, em 1998), na qual lhe consta o nome como tendo recebido, quando ainda era da Advocacia Geral da União (AGU), o valor de R$ 185 mil. > Mensalão 1.0 O mensalão tucano foi uma versão 1.0 do mensalão petista e, por suposto, também foi operacionalizado por Marcos Valério, que assina a lista contendo os nomes de políticos

Porca miséria

TRE-PA publica remuneração dos seus servidores e juízes

Esclarecendo que o “rendimento líquido efetivamente recebido por servidor ou pensionista” pode ser inferior ao divulgado em virtude de descontos legais, o Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA) sai na frente na publicação da remuneração dos seus servidores e juízes. Declara ainda, o TRE-PA, sobre a remuneração dos juízes da Corte, que “as diárias pagas a magistrados e servidores constam em arquivo em separado”. Procede a forma, pois diária não é salário. Por já serem remunerados nos seus tribunais de origem, os juízes do TRE-PA não recebem salários e sim jetons por sessões realizadas. Por conta disso, a publicação traz remuneração de alguns servidores acima do que é listado aos juízes. Clique aqui e acesse a remuneração dos servidores e juízes do TRE-PA, cuja ligação já está listada na aba direita do blog, sob o índice "Navegante Cidadão".

Quer comprar dólar? Vá à padaria

Até ontem (26) apenas empresas de turismo, após cadastramento no Ministério do Turismo, e empresas especificamente criadas para a finalidade podiam vender, ou comprar, dólar ou qualquer outra moeda estrangeira, legalmente. > CMN libera comércio de câmbio a qualquer empresa A partir de hoje (27) com a resolução aprovada ontem pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) qualquer pessoa jurídica pode fazer a transação, desde que obedeça ao limite de US$ 3 mil por operação. Segundo o secretário-executivo do BC, Geraldo Siqueira, com a nova resolução, será possível fazer câmbio "até numa padaria". > Máquinas de câmbio As operações serão feitas através de máquinas similares às que já existem na maioria dos países da Europa e nos EUA, com uma diferença: a operação só poderá ser feita com dinheiro, não sendo possível o saque de qualquer moeda com cartão, ou seja, o usuário deverá inserir na máquina notas de real e receber o equivalente em dólar ou euro, ou vice-versa. A empresa

VEJA: Marcos Valério volta a chantagear Lula e o PT

Matéria da “VEJA” dessa semana reporta que o ex-presidente Lula destacou o seu mais próximo assessor, Paulo Okamotto, que hoje preside o “Instituto Lula”, para a missão de manter sob controle o empresário Marcos Valério, denunciado como um dos principais operadores do mensalão. A imprensa já passeou pela tese de que Valério estaria chantageando Lula a usar a sua influência para lhe impedir um desfecho trágico (prisão) no julgamento. > Ameaça de acordo com o Ministério Público A “VEJA” afirma que, em maio, Valério “fez chegar à cúpula do PT que estava decidido a procurar o Ministério Público para revelar detalhes de suas conversas com Lula em Brasília.”. > Quem pariu Mateus que o embale Procurado pela revista, Paulo Okamotto admite ter encontrado com Marcos Valério, mas nega qualquer tipo de chantagem, relatando que as conversas se resumiram à cobrança de uma dívida de R$ 55 milhões que o PT tem com ele. Ao ser indagado qual a origem da dívida que o PT tem com Valério (o

Farinha pouca, meu pirão primeiro

Os municípios, em ano de eleição municipal, não podem receber recursos para novas obras a partir do dia seis de junho, correto? É... Mas como toda regra tem exceção, isso só vale para os governadores que, em condições normais, têm que fazer coração com as tripas para repassar recursos aos seus xerimbabos antes da fatal data ao norte. > A União pode decretar a obrigatoriedade dos repasses Para a União, o ex-presidente Lula, em 2008, cuidou de uma exceção ao assinar uma medida provisória, que depois em lei se fez, autorizando o Planalto a dar uma força, mesmo depois do prazo legal, aos companheiros que estão na liça eleitoral municipal, onde a disputa é na peixeira. > Dilma decretou repasses que somam mais de R$ 150 milhões A presidente Dilma não se rogou e usa a liberalidade da lei dando dez na ferradura e uma no cravo para ninguém acusar o Gabinete de favorecimento ilícito: já publicou seis decretos que obrigam, com base na lei de 2008, repasses a 855 projetos que são &quo

Mensalão: decisão do TCU não repercute no julgamento do STF

Ouço que a decisão do Tribunal de Contas da União (TCU), que considerou regular um contrato do Banco do Brasil com a DNA, do empresário Marcos Valério, joga ao chão as acusações da Procuradoria Geral da República no caso do mensalão. Não há sentido nas argumentações desse rumo. > Em primeiro ponto O processo do mensalão não está erigido exclusivamente no contrato do Banco do Brasil com a DNA: há outros elementos em tela. > Em segundo ponto O TCU, como qualquer outro tribunal de contas, analisa os aspectos formais dos contratos, ou seja, se atenderam à legislação pertinente desde a proposição até a assinatura e cumprimento. Sob esse aspecto, nada de irregular foi detectado pelo TCU. > TCU não procede investigações policiais A corte de contas, todavia, não tem competência funcional para averiguar se de um contrato formalmente regular decorreram irregularidades. Se das parcelas regularmente recebidas pela DNA, Marcos Valério repassava parte para abastecer o esquema do

Pressão das teles faz Anatel arrefecer

Dados do Ministério das Comunicações traduzem a marotagem à qual foi submetido o consumidor de linhas celulares no Brasil e o acerto, embora tardio, das medidas supressivas da Anatel. > Expansão de 40% de linhas desde 2009 A guerra de preços entre operadoras, que lançam planos mirabolantes para alcançarem vantagens de centavos e segundos sobre as concorrentes, por um lado beneficiou o usuário, mas foi melhor para as operadoras, que viram o número de linhas crescerem em 40% desde 2009. > Aumento de 33,7% de ocupação das células desde 2009 As linhas aumentaram e com elas o tempo de ocupação das células (em 2009 cada cliente passava, em média, 86 minutos por mês ao celular. Em 2011 esse tempo subiu para 115 minutos: um acréscimo de 33,7%), mas investimentos em infraestrutura não acompanharam a expansão das linhas. As operadoras tentavam encher com 5 litros de água um recipiente que só comporta 1 litro e o vaso entornou em forma de péssimos serviços: as teles estão em 1° luga

PSD anuncia possível bloco para lançar candidato à presidência da Câmara Federal

Diante do acordo PT-PMDB para eleger a presidência da Câmara, os demais partidos da base do governo, acusando que não foram ouvidos nem cheirados, estão se articulando para lançar um candidato para pelejar com o deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN). Quem se apresenta como porta-voz da base injuriada é o líder do PSD, deputado Guilherme Campos (SP), declarando que as conversas estão adiantadas com o PSB e PCdoB e que após as eleições poderá ser formado um bloco parlamentar de onde será pinçado um nome para a disputa. Caso se constitua, o bloco PSD-PSB-PCdoB passará a ser a maior força da Câmara, com 89 deputados, dois além do PT.

No Gólgota

Sob esta ótica não é possível, de todo, discordar de Tião Cachoeira, afinal, o único da comanditada que já purga a mora antes de fechar a conta é o seu filho, que acabou sendo o nome, e o sobrenome, de toda a ventania. Mas é sempre assim: enforque-se um em público, para saciar o paladar da turba enfurecida e os outros seguirão na caravana. E por falar em Cachoeira: já iniciaram os trabalhos daquela CPI que iria investigar o caso todo?

O fio da navalha

A publicação dos salários dos servidores públicos federais começa a ter o efeito desejado: denúncias de pessoas que se deram ao trabalho de ler as publicações, detectaram que 493 servidores ganhavam acima do teto constitucional. O governo federal determinou o corte ao teto constitucional, instituído em 2003, que limita o vencimento dos servidores ao valor do salário dos ministros do STF, de R$ 26,7 mil. > Prejuízo de R$ 200 milhões A Controladoria-Geral da União (CGU) declarou que, até agora, os cortes propiciaram uma economia de R$ 1,9 milhão por mês ao Poder Executivo. A CGU deveria levantar desde quando estes servidores recebiam acima do teto e quantificar o que foi pago indevidamente. Se a prática existe desde 2003, o que eu creio, o erário é credor de um indébito de aproximadamente R$ 200 milhões. > Os demais poderes da República A transparência não trafega somente na mão do Poder Executivo: a divulgação das remunerações de servidores do Poder Judiciário, pelos tri

Roberto Jefferson muda o discurso e afirma que Lula sabia e ordenou o mensalão

Às vésperas do início do julgamento do mensalão Roberto Jefferson (PTB) resolveu, depois de disparar rumo ao deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), mover a alça de mira mais alto e autorizou o seu advogado a declarar que o ex-presidente Lula não só sabia como “ordenou” o mensalão. > José Dirceu, Anderson Adauto e Luiz Gushiken pagavam A defesa de Jefferson, adiantou à “ AE " ontem (24) à noite, sustentará que três ministros de Lula, José Dirceu, Anderson Adauto e Luiz Gushiken (os três são réus no processo), pagavam os deputados federais constantes da folha do mensalão, e que a ordem partia diretamente do ex-presidente Lula. > Por que a mudança do discurso? Por que Jefferson disse, em 2005, que Lula era inocente? "Naqueles dias turbulentos ele não deveria atacar Lula e Dirceu a um só tempo. O Lula não sabia nem onde apagava a luz, o Dirceu tinha controle total do governo. Então, o alvo foi o Dirceu", respondeu Luiz Barbosa, o advogado de Jefferson. > Lu

Ananindeua terá veiculação de propaganda eleitoral gratuita pela primeira vez

O PMDB de Ananindeua, através do advogado Mário Hesketh, requereu ao Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA) que, nos termos da lei 9.504/97 e das resoluções do TSE 23.370 e 23.378, determine a veiculação da propaganda eleitoral gratuita no município. O presidente do TRE-PA, Ricardo Nunes, verificando que o município de Ananindeua, embora não possua emissora geradora e por isso jamais veiculou propaganda eleitoral gratuita, preenche os requisitos do art. 48 da Lei das Eleições, que preceitua exceção aos municípios aptos ao 2° turno, onde, em havendo possibilidades técnicas, será permitida a retransmissão a partir de onde possa ser feita a transmissão, no caso em tela, o município de Belém. Com certeza, a propaganda eleitoral gratuita de rádio e televisão terá o condão de influenciar, como faz em qualquer município, o voto em Ananindeua. Para onde o saldo da conta vai pender só a esteira do processo eleitoral dirá. Clique aqui para ler a decisão.

Serviço público terceirizado ilegalmente teria rendido fortuna à dono do IBOPE

O programa “ Domingo Espetacular ”, da Rede Record, colocou o capo do IBOPE, Carlos Montenegro, na alça de mira e disparou que ele “ganhou bilhões de reais com negócios suspeitos com a exploração particular de um serviço público” e “remetido os lucros a paraísos fiscais”. O “serviço público” teria sido a criação da empresa GVR para em seguida receber, sem licitação, dos departamentos de trânsito de vários estados, a cobrança da baixa do gravame para carros financiados (baixa da alienação fiduciária). A reportagem declara que 70% dos veículos vendidos no Brasil são financiados e 23 estados terceirizam, sem licitação, a cobrança da baixa do gravame à GRV. Segundo a reportagem, o negócio rendeu à GRV cerca de R$ 180 milhões por ano, até que Montenegro vendeu 95% dela à Cetip, em 2005, por R$ 2 bilhões. > Passeio monetário pelos paraísos fiscais O “Domingo Espetacular” reporta, com base em documentos, que com os rendimentos Montenegro mantém “empresas em paraísos fiscais, como as Ilhas

Guerra perdida

Sou favorável à descriminalização do uso da maconha. A falta de debates sobre o assunto, ainda tratado como tabu, tem prejudicado a ampla discussão sobre a real dimensão dos problemas causados pelas drogas ilícitas  e, o que é pior, das lícitas. É uma hipocrisia, por exemplo, dar tratamento jurídico irregular ao uso da maconha, argumentando o mal que ela pode causar ao usuário e, ao mesmo tempo, vender livremente bebidas de todos os tipos nos supermercados, com todo o comprovado mal que o uso do álcool causa. O que você acha disso?

Apenas 100 mil pessoas têm cerca de US$ 21 trilhões em paraísos fiscais

A “ Tax Justice Network (TJN)” encomendou um estudo sobre evasão de divisas em todo o mundo. O relatório entregue à TJN deslocou o queixo dos mais heterodoxos financistas: a biliardária elite global, composta por não mais que 100 mil pessoas de várias nacionalidades, somou pelo menos US$ 21 trilhões (cerca de R$ 42,5 trilhões) depositados em paraísos fiscais até o final de 2010. > Valor supera o PIB da União Europeia e dos EUA Em 2011, o PIB da União Europeia foi de US$ 17,6 trilhões e o dos EUA, a maior economia do mundo, foi de US$ 15 trilhões. Se essas 100 mil pessoas resolvessem fazer um novo país com o dinheiro que têm depositado em paraísos fiscais, já começariam como a maior economia do mundo. > China, Rússia, Coreia do Sul e Brasil: os que mais evadem O estudo revela os 20 países de onde mais se evadiu divisas até 2010: em 1° lugar está a China, com US$ 1,1 trilhão evadidos, em 2° a Rússia, com US$ 798 bilhões, em 3° a Coreia do Sul, com US$ 796 bilhões. Em 4°