Pular para o conteúdo principal

Apenas 100 mil pessoas têm cerca de US$ 21 trilhões em paraísos fiscais

Shot012

A “Tax Justice Network (TJN)” encomendou um estudo sobre evasão de divisas em todo o mundo.

O relatório entregue à TJN deslocou o queixo dos mais heterodoxos financistas: a biliardária elite global, composta por não mais que 100 mil pessoas de várias nacionalidades, somou pelo menos US$ 21 trilhões (cerca de R$ 42,5 trilhões) depositados em paraísos fiscais até o final de 2010.

> Valor supera o PIB da União Europeia e dos EUA

Em 2011, o PIB da União Europeia foi de US$ 17,6 trilhões e o dos EUA, a maior economia do mundo, foi de US$ 15 trilhões. Se essas 100 mil pessoas resolvessem fazer um novo país com o dinheiro que têm depositado em paraísos fiscais, já começariam como a maior economia do mundo.

> China, Rússia, Coreia do Sul e Brasil: os que mais evadem

O estudo revela os 20 países de onde mais se evadiu divisas até 2010: em 1° lugar está a China, com US$ 1,1 trilhão evadidos, em 2° a Rússia, com US$ 798 bilhões, em 3° a Coreia do Sul, com US$ 796 bilhões.

Em 4° lugar está o Brasil, com US$ 520 bilhões, o equivalente a R$ 1,1 trilhão. O PIB do Brasil, em 2011, foi de US$ 2,5 trilhões: há brasileiros, portanto, que têm depositado em paraísos fiscais, quase a metade do nosso PIB.

O estudo usou dados do Banco de Compensações Internacionais, do FMI, do Banco Mundial e de governos. Não foram considerados bens imóveis, móveis ou ações.

> Parte dos depósitos está bloqueada

Muitos desses depósitos estão bloqueados em países como EUA, Inglaterra e Suíça, a maioria oriunda de ditadores ainda no poder ou depostos. Especula-se, por exemplo, que Kadafi, o morto ditador líbio, teria cerca de US$ 20 bilhões fora da Líbia.

Um dos trechos do relatório afirma que "há muitos anos, os governos sabem que há recursos em paraísos fiscais. Mas muitos governantes optam por não taxar estes recursos. Até porque eles próprios estão entre os que remetem para os paraísos fiscais".

Comentários

  1. Deve ter um bocado de petistas entre os que evadiram divisas - Duda Mendonça, José Dirceu, etc. Um dia saberemos quem andou na companhia de Paulo Maluf.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.