Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2016

Dilma Rousseff é cassada

Acima o placar final da votação do processo de impeachment da agora ex-presidente Dilma Rousseff. Nas projeções do placar, o Ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, tido como um expert nesse tipo de avaliação, acertou na mosca: uma semana antes da votação de hoje, ele já informava o Planalto que Dilma seria cassada por exatos 61 votos. A minha projeção, sem as informações privilegiadas que o Ministro-Chefe da Casa Civil possui, era de que Dilma seria cassada por, no máximo, 58 votos, pois, com imbecis pruridos de ética pura, avaliava que Renan Calheiros e Collor de Mello se absteriam: aquele por ser o presidente do Senado e sempre ter pregado postura isenta; este por já ter sofrido um processo similar, que, com certeza, doeu tanto quanto. Por fim, jamais imaginaria que o senador Telmário Mota (PDT-RR), que sempre defendeu Dilma publicamente, votou contra a admissibilidade do impeachment e declarou à Folha e ao Estadão que votaria contra a cassação, trairia a própria palavra d

Eu nunca pensei acabar tudo assim…

Assim amanheceu o placar do Estadão, tão quanto o da Folha de S. Paulo, os dois maiores jornais do Brasil, apontando a cassação de Dilma Rousseff, o que encerrará, de maneira melancólica, 13 anos de poder do Partido dos Trabalhadores, fundando por Lula, que, idem, sofre as agruras causadas, primeiro pelo Mensalão, e agora pela Lava Jato. O PT, Dilma e Lula, destarte tenham um legado que não se resume aos dois episódios que lhes selaram a lápide, por um péssimo revés do fado, serão sempre, a priori, lembrados por eles, pois é exatamente dessa forma que os políticos, mormente, são julgados: pelos seus erros e não pelos seus acertos, pois, ao final da equação, os acertos ficam entre os parênteses e os erros situam-se nas evidências. Logo mais, às 11 horas, quando a via dolorosa de Dilma chegar ao ápice no plenário do Senado, que lhe votará a cassação, por epílogo, bem cabe, ao conjunto da obra a pinça de uma frase daquela modinha do Capiba, Maria Bethânia, um lamento imortalizado na vo

Manaus é mais populosa da Amazônia. Belém é a 12° mais populosa do Brasil

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou nesta terça-feira (30), que a população brasileira cresceu 0,8% de 30 de agosto de 2015 a 30 agosto de 2016, 0,8%. O relógio do instituto, que com base em vários índices referentes projeta o incremento da população, amanheceu hoje (30) contando o Brasil com 206 milhões 81 mil e 432 habitantes, e continua contando. O IBGE publicou também hoje os números das populações das cidades e dos estados. Com base na nova projeção, São Paulo continua com o título de cidade mais populosa do Brasil, com quase o dobro de habitantes da segunda colocada, o Rio de Janeiro. A capital do Pará, Belém, com 1.446.042 milhões de habitantes, é a 12° maior cidade do Brasil. Manaus, com 2.094.391 milhões de habitantes, é a maior cidade da Amazônia. Abaixo as 15 mais populosas cidades do Brasil: Se você gosta de ler estatísticas, a página do IBGE que trata das referidas projeções é uma maravilha para lhe distrair. Lá é possível ver os númer

Voo sem asas

Na cidade de Mostar, na Bósnia e Herzegovina, um competidor salta da Ponte Velha, que une os dois lado da cidade, durante uma competição de mergulho.

O canto do cisne

A presidente afastada, Dilma Rousseff, fez ontem (29) aquele que está sendo tomado como o último discurso do seu segundo mandato no mais alto cargo do poder executivo da República, pois que poucos já, ou ainda, acreditam que ela possa reverter a quebra da onda do impeachment que a apeará do poder. Dilma não manejou bem o tempo que lhe foi concedido, preferindo ler uma peça que em nada ajudou na sua defesa, mesclando momentos que traduziam dureza contra o ex-aliados, hoje por ela considerados como algozes, com a exaltação do próprio mandato, o que foi interpretado como um prelúdio da sua queda. Extremamente desgastada como o presidente em exercício Michel Temer,  que ao final do processo de impeachment, e em sendo esse aprovado, será empossado definitivamente como presidente da República, Dilma Rousseff alcunhou-o de usurpador, insistindo no inepto discurso do golpe. Foi um discurso muito longo para ser lido e isso prejudica o que o orador deseja auferir com a lógica escrita, pois a

Agora me deu medo…

E tem gente, e muita, na Coreia do Norte, que acredita piamente que o sereníssimo mestre Kim tem o exército tecnologicamente mais avançado do planeta e que, ao toque de um botão, pode fazer todo o mundo, salvo a Coreia do Norte, desaparecer.

Onde é isso?

Embora pareça, não é o buraco de Serra Pelada e nem as minas de ferro de Carajás, no Pará. Trata-se da mina de ouro de Thunderbox, no outback australiano. Como se vê, mineração é igual no mundo inteiro: no final só resta um buraco.

Governo Jatene: o 171 do “Pará 2030” (I)

O título da postagem é o mesmo que intitula o novo artigo do advogado Ismael Moraes. O excerto sai do primeiro de uma série, que Ismael Moraes promete escrever, criticando, segundo ele, “a farsa que o governo Jatene representa à maioria do povo do Pará”. Nesse primeiro artigo, Moraes sugere que a verdadeira opção dos governos de Simão Jatene é o favorecimento das grandes empresas privadas que se instalam no território paraense que, “a troco de sustentar campanhas políticas, enriquecem com nossos recursos naturais, nada pagam de impostos e tem as suas necessidades sustentadas pelo trabalho dos pequenos e médios empresários, profissionais liberais e até dos trabalhadores mais modestos da população.” Para ler o artigo, clique aqui .

Primeira pesquisa Ibope em Belém

O jornal O Liberal publicou hoje (28) a primeira pesquisa feita pelo Ibope sobre a eleição para a prefeitura de Belém. Na pesquisa espontânea, os candidatos Edmilson Rodrigues (PSOL) e Eder Mauro (PSD), ambos deputados federais, aparecem em primeiro e segundo lugares respectivamente: Na pesquisa estimulada, idem, Edmilson Rodrigues (PSOL) e Eder Mauro (PSD) aparecem em primeiro e segundo lugares respectivamente: Observa-se que em ambas as modalidades, o atual prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho (PSDB), aparece em terceiro lugar, com a menos da metade da pontuação do segundo colocado. No item rejeição, o prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho (PSDB), pontua uma rejeição de 50%, o que, estatisticamente, caso a eleição fosse hoje, o impediria de vencer quaisquer dos turnos: A pesquisa, registrada no TRE-PA sob o número PA-06401-2016,  foi realizada entre os dias 22 e 25 de agosto, com 602 eleitores de Belém. A margem de erro é de quatro pontos percentuais para mais ou para menos e o

Puxando o gatilho

Por incrível e contraditório que pareça, a derrubada das cruéis ditaduras de alguns países do Oriente Médio, mergulharam os respectivos em mais sangue do que era proporcionado pelas ditaduras, e o povo ainda não conseguiu gozar a paz e o progresso prometido pelos revolucionários. A Líbia, por exemplo, vive, desde a queda de  Muammar al-Gaddafi, uma sangrenta guerra civil, e as forças armadas líbias, a maioria composta, depois do esfacelamento do exército, por guerrilheiros, ainda tem que se bater com os militantes do EI, que já dominam a terça parte do território líbio. Na foto, um guerrilheiro líbio, usa uma fita de aço para disparar, à distância, o canhão de um tanque rumo aos combatentes do EI.

Francisco em Auschwitz II – Birkenau

O papa Francisco cruza, solitário, o portão de entrada do tragicamente mais famoso dos complexos de campos de concentração que o nazismo construiu na Segunda Guerra Mundial: o campo de extermínio de Auschwitz II – Birkenau, no sul Polônia. Em Auschwitz II – Birkenau, segundo testemunho de Rudolf Höss, um dos comandantes do local, no Julgamento de Nuremberg, mais de três milhões de pessoas foram assassinadas, cerca de 2,5 milhões em câmaras de gás, 90% deles judeus. O número mais aceito hoje é que foram à câmara de gás, em Auschwitz II – Birkenau, cerca de 1,3 milhão de judeus.

No futuro do presente

A partir do primeiro dia de setembro, os usuários da Uber, na cidade de Pittsburgh, no estado americano da Pensilvânia, poderão, ao chamar um veículo do sistema, ver chegar até eles um automóvel sem motorista. Em Pittsburgh, será a primeira experiência do tipo, com carros autônomos, no mundo. A inciativa é da Uber e da Volvo, que passaram um ano em testes, com o carro circulando oito horas por dia, para que o software aprendesse a se locomover na malha urbana da cidade. A Tesla foi a primeira a comercializar veículos autônomos no mundo e a Uber se valeu de parte dessa tecnologia para desenvolver a inteligência embarcada no Volvo, acrescida de manejo remoto, ou seja, o passageiro insere no aplicativo do seu celular o local da partida e o do destino e o veículo, via web, programa a rota, vai buscar o passageiro e o deixa no destino. Essa inteligência já está madura nos programas espaciais e, infelizmente na indústria bélica. Mas embora o Volvo da Uber seja 100% autônomo, o termo “se

De candidatos e crianças

Durante um comício no Colorado, o candidato republicano Donald Trump tentou a tradicional pose de segurar bebes no colo para a foto, mas a criançada estrebuchou, estragando o filme. Parece que os bebês conhecem com quem não se devem meter.

Pulando capítulos

O bastidor do arranca togas ocorrido ontem (23) no STF, em virtude do vazamento da citação do ministro Toffoli na proposta de delação de Léo Pinheiro, que eu soube ontem mesmo, e foi assunto da primeira postagem de hoje, tornou-se público hoje. A imprensa trouxe mais elementos: disse Mendes que o vazamento que atinge Toffoli teria sido um “acerto de contas de procuradores porque Toffoli os teria contrariado ao mandar soltar o ex-ministro Paulo Bernardo e fatiado a investigação sobre a senadora Gleisi Hoffman (PT/PR) na Lava Jato”. “ Como eles (procuradores) estão com o sentimento de onipresentes decidiram fazer um acerto de contas. Decidiram vazar a delação. Se é isso, temos que prestar muita atenção. Há o risco de se tornar algo policialesco ”, declarou Mendes, segundo matéria da Folha de S. Paulo. Independentemente das razões que, por suposto, teriam levado os procuradores que atuam na Lava Jato a, segundo as palavras de Mendes, “vazarem” termos protegidos por sigilo legal, não há a

Francamente falando

A comunidade rural de Vila Nova, em Joinville, no estado de Santa Catarina, espalhou placas de aviso por todo o perímetro do seu território, com a acima postada. Os motivos da atitude estão claros nos outdoors, assim como as consequências de quem não se acautelar.

À noite, todos os gatos são pardos

A Veja publicou que o ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal, está no menu de delação premiada do ex-presidente da OAS, Léo Pinheiro, que relatou, aos procuradores, um encontro que teve com o dito ministro, no qual esse lhe pediu uma inspeção e apresentação de solução em obras de engenharia na sua residência em Brasília. Pinheiro enviou uma equipe de engenheiros à residência de Toffoli, que “constatou as avarias, relatou que havia falhas na impermeabilização da cobertura e sugeriu a solução”. De posse do laudo e da solução elaborados pela OAS, Toffoli teria contratado uma empresa para executar a obra e pagado, do próprio bolso, os custos decorrentes. Se o vazamento tivesse apanhado algum político , pipocariam repercussões, mas no caso tintas foram poupadas, afinal, se Toffoli pagou pelo serviço, “onde está o crime?”. Esta mesma pergunta o STF se fez, indignado, ao tratar o vazamento. Contam as paredes da Corte que a apoteose do arranca togas foi quando o ministro Gilma

A maior aeronave do mundo

O Airlander, que fez o seu primeiro voo na quinta-feira (17) passada, decolando do aeroporto de Cardington, perto de Londres, é um dirigível desenvolvido pela Hybrid Air Vehicles. Com 91 metros de comprimento, 34 metros de largura, 26 m de altura e capacidade de decolagem vertical com peso máximo de 20 toneladas, sendo 10 toneladas de carga, o Airlander deixa para trás o Antonov An-225, até então a maior aeronave do mundo. Todavia, o Antonov An-225 ainda é o maior cargueiro aéreo do mundo, com capacidade de 64 toneladas. A vantagem do Airlander sobre os cargueiros tradicionais é a sua operação em locais remotos e sem estrutura de pistas, já que a sua decolagem e pouso são verticais e é exatamente a esse tipo de operação que a aeronave se destina. A velocidade de deslocamento do Airlander é para quem não está com pressa: no máximo 150 km/h. Mas ele tem autonomia para até 6 dias voando sem abastecimento e sem tripulação, pois pode ser guiado remotamente. Diferentemente dos dirigíveis d

É o tempo…

À esquerda, aos 25 anos, no início da carreira, uma das maiores damas do teatro nacional, Fernanda Montenegro. E à direita, aos 86 anos (2015), ainda firme com uma das referências nacionais em dramaturgia.

Delação da Odebrecht afirma que Mantega negociou R$ 100 milhões ao PT

Avança o cardápio oferecido pelos executivos da Odebrecht para a chancela da delação premiada ofertada pelo grupo. Um dos itens do menu, gentilmente vazado à imprensa, oferece a cabeça do ex-ministro da Fazenda, Guido Mantega, para o jantar, ao apontar que a empresa pagou, pelo menos, “ R$ 100 milhões em propina para o PT em negociações intermediadas pelo ex-ministro ”. As informações são de O Globo, na edição de ontem (21).  Observe-se que o valor em cotejo foi aquele exclusivamente negociado por Mantega ao PT, “ em troca de benefícios obtidos nos últimos anos graças a projetos como a desoneração da folha de pagamentos e a redução de imposto de renda sobre o lucro de empresas brasileiras no exterior ”. É evidente o interesse que a Odebrecht tinha nos dois pontos: 1 . No caso da desoneração da folha, a empresa possuía, antes do furacão Lava Jato, 78 mil funcionários no Brasil o que totalizou uma folha de pessoal na ordem de R$ 8,3 bilhões, no Brasil, em 2014. Poro óbvio, qualquer po

O mundo tem 65 milhões de refugiados

Segundo levantamento da ONU, em junho de 2016 o mundo tinha cerca de 65 milhões de refugiados, o que já é o maior êxodo absoluto desde a 2ª Guerra Mundial, formando uma enorme legião de desamparados, a maioria segregada em acampamentos em diversos países da Europa Oriental e nas bordas do Mediterrâneo. Cerca de 60% daquela quantia, inobstante, é refugiada dentro do seu próprio pais, como é o caso da Síria, que vive uma das mais sangrentas guerras civis do mundo moderno, obrigando 7,2 milhões de sírios a abandonarem suas cidades e povoados de origem, para pontos diversos do território, fugindo da brutalidade da guerra intestina entre os rebeldes o regime de Bashar Al-Assad, que ainda tem como um dos efeitos colaterais, a invasão e tomada de alguns bolsões do território sírio pelos militantes do Estado Islâmico. A União Europeia recebeu em 2015 cerca de 1 milhão de refugiados, fora aqueles que entraram ilegalmente. A repentina leva destes seres humanos em países do bloco abalou a zona

Ato falho em supermercado IV

A etiqueta de preços é de “Watermelon”, em português, “Melancia”.

Os bêbados e os desequilibrados

O ministro do STF, presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Gilmar Mendes, decidiu vergastar, ontem (17), os fazedores de leis, ao opinar, durante sessão de redação da Corte, que a lei da Ficha Limpa é tão mal feita que parece " que foi feita por bêbados ”. Sempre digo que o Brasil tem a cultura da “legislorreia”, mistura de legislação com diarreia: os parlamentares fazer leis para tudo, porque a imprensa e a população, equivocadamente, lhes medem a produtividade pelo número de projetos apresentados, não importando do que tratam, tão pouco a qualidade das letras. Assim as leis vão saindo, 80% delas imprestáveis, ou por inconstitucionalidade ou por inutilidade no mundo jurídico. A técnica legislativa, idem, é sofrível na mesma proporção ao norte aquilatada, eis porque a maioria dos parlamentares prefere contratar cabos eleitorais do que técnicos para os seus gabinetes. Isso vale para mim também. Portanto, o ministro Gilmar Mendes, conceitualmente , está correto, mas tecnicamente

Ato falho em supermercado III

A frase no porta-retratos: “Meu cão”.

O Memorial de Dilma Rousseff

A presidente afastada Dilma Rousseff assinou ontem (17) uma espécie de memorial aos senadores, que também fez as vezes de fala à nação, já que resolveu ler a missiva lavrada. Destarte as controvérsias internas, Dilma insistiu na lógica do golpe, discurso adotado pelo PT desde o vestíbulo da esteira do impeachment, que o rolar das águas provou estéril para o que se designava, portanto, a tese chove em um assoalho molhado, sob cuja cumeeira não se providenciou eficaz entelhamento. Um outro ponto no qual a presidente afastada entalhou as suas letras, idem, não surte efeito, qual seja, a promessa de, em retornando ao cargo, patrocinar a realização de um plebiscito sobre a antecipação das eleições e uma reforma política e eleitoral. A primeira parte da asserção é contradição justificável pelo arroxo e a segunda, somada à primeira, uma bravata com ares de blefe: Dilma refutou, quando a água da chaleira apenas fazia borbulhas finas em fogo brando, a tese de eleição antecipada, pois achava qu

Cobras e lagartos

Na verdade, a emenda proposta pelo senador Aloysio Nunes (PMDB) à lei Marina da Penha não altera o conteúdo substantivo original, ou seja, não subtrai as conquistas já auferidas, fazendo apenas modificação nas providências a serem tomas imediatamente após a notícia chegar à delegacia especializada. A impetuosidade de Lula em não deixar a política rasteira (se é que existe alguma política que não se arraste no chão) e não se ter recolhido à altura do seu status de ex-presidente da República com o estoque de respeito com o qual saiu do cargo, mais a saraivada de processos que se aponta ao seu rumo, vai fazer com que ele acabe se finando como um personagem melancolicamente depauperado, com pose bem aquém daquela que ele, de fato, poderia merecer na história do Brasil. 

Há 76 anos

A mocinha da foto acima, colorida artificialmente pela artista digital Marina Amaral, é sua majestade Elizabeth II, rainha do Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte, quando tinha 14 anos. Hoje a rainha tem 90 anos.

Tá lá o corpo estendido no chão…

A foto, cortada do quadro “Cena da Cidade”, publicada ontem (16) no Diário do Pará”, faz uma pitoresca tomada da cena de um assassinato em Belém, a 26 ° cidade mais violenta do mundo e a 9ª mais violenta do Brasil, segundo levantamento da ONG mexicana Conselho Cidadão para a Segurança Pública e a Justiça Penal, em cidades com mais de 300 mil habitantes. Rouba a cena o cachorro, pachorrentamente bocejando no limite da fita que separa os curiosos do corpo que jaz secundária e propositalmente desenquadrado pelo fotógrafo, pois o que ele deseja mostrar não é um corpo inerte, que para efeitos oficiais, não passa já de um número a mais na vergonhosa estatística que a incontida violência urbana nos impõem, mas a atitude dos sujeitos dela, desde sempre, em um quê de contemplação frente à brutalidade. A trilha sonora da fotografia é “De frente pro crime”, de João Bosco, que começa exatamente com a frase que empresta título à postagem. Seu browser não suporta este áudio

E verdade…

As duas chamadas estão nas capas dos dois principais jornais do Pará. E como eu sempre digo, quando os dois ditos cujos coincidem as letras, é sinal que é vero e que a coisa está realmente fora de ordem.

A heroína de Porto Rico

Depois de desbancar renomadas tenistas do mundo e sendo apenas a 34ª colocada no ranking da Women's Tennis Association (WTA), a porto-riquenha Moica Puig (foto), 22 anos, levou a medalha de ouro do tênis feminino dos jogos olímpicos de 2016. Puig é a mais nova heroína de Porto Rico, pois o país jamais conquistou uma medalha de ouro, sendo esta a primeira da sua história. Por isso, ao vencer ao soar o gongo encerrando a partida que a tornou ouro, Puig jogou a raquete e voou de alegria.

É dada a largada!

Encerrou ontem (15) às 19h o prazo para que partidos e coligações requeressem os registros das candidaturas dos seus filiados escolhidos para concorrerem às eleições de outubro, quando serão disputados os cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador nos 5.570 municípios do Brasil. Exatamente às 19h de ontem, quando o prazo finou, o sistema do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), onde se concentram os dados, apresentava um total de 6.317 candidaturas para prefeitos, 6.282 registros para o cargo de vice-prefeito e de 166.117 para vereador. Às 20h38m de ontem, quando escrevi essa postagem, o sistema já totalizava 485.268 mil pedidos de registros para os três cargos. Creio que até o final do dia de hoje (16) a totalização deverá ser completa. Imagino que o número final chegará às bordas dos 600 mil candidatos. A partir de hoje, abrem-se os prazos para os juízes eleitorais julgarem os pedidos de registro de candidaturas, que serão deferidos em os candidatos preenchendo todos os requisitos l

Asuka Teramoto

A ginasta japonesa, Asuka Teramoto, em uma pirueta perfeita sobre a trave de equilíbrio. A foto é de Damir Sagolj, para a Reuters.

Feriado de quê?

Em 1822, quando D. Pedro I proclamou a Independência, a Província do Grão-Pará, que incluía o que é hoje o estado do Amazonas, não tinha mais que 150 mil habitantes, cerca de 30 mil deles escravos. A elite econômica do Grão-Pará era majoritariamente portuguesa e seus interesses comerciais e empresariais umbilicalmente relacionados com Lisboa, por isso radicalmente resistente à independência. Essa elite, mesmo antes da proclamação da independência, já se batia ferozmente com nacionalistas, como Felipe Patroni, fundador do jornal “O Paraense” que, por conta da campanha pela independência, acabou preso e deportado para Portugal, assumindo, no entanto, o seu lugar no jornal, outro personagem mais fervorosamente revolucionário, o cônego Batista Campos. Com a proclamação da independência, o Grão-Pará não se alinhou ao autoproclamado imperador D. Pedro I, o que fez com que os grupos favoráveis à independência começassem a patrocinar movimentos que conspiravam contra o governo provincial, fie

De pais e de sonhos

É… Como disse o dramaturgo e romancista britânico, William Somerset Maugham, “ a realidade seria insuportável se não fossem os sonhos ”. Feliz dia dos pais.