Pular para o conteúdo principal

Suprema Corte do Reino Unido autoriza a extradição de Julian Assange

shot005

Informou ontem (30) o britânico “The Guardian” que Julian Assange teve a sua extradição para a Suécia decretada pela Suprema Corte do Reino Unido.

Assange, que conseguiu mais de 200 mil documentos secretos do Departamento de Estado dos EUA e os publicava regularmente no seu site “Wikileaks”, teve a sua extradição requerida pela Suécia onde enfrenta acusação por crime de assédio sexual.

Os advogados de Assange, informa o “The Guardian”, ainda podem recorrer à Corte Europeia de Direitos Humanos, mas as probabilidades dessa revogar a decisão da Suprema Corte Britânica são parcas.

Para piorar a situação, o Wikileaks, que no início das postagens era o sucesso da hora na internet, foi caindo em acessos quando se intuiu que as publicações não passavam de mexericos internacionais, sem informações de maiores relevâncias.

Comentários