Pular para o conteúdo principal

Correndo atrás do prejuízo

Shot012

Depois da derrota de José Serra em São Paulo e a constatação de que a presidente Dilma Rousseff cada vez mais se consolida no governo, viabilizando-se como um osso duro de roer em 2014, a cúpula tucana resolveu sacudir a poeira e tentar dar a volta por cima.

> Caravana tucana

Como na política, também, nada se cria e tudo se copia, o presidenciável do PSDB, senador Aécio Neves, prepara uma edição tucana das “Caravanas da Cidadania”, que Lula empreendeu nos anos 90, quando o PT ainda era canhoto.

Neves pretende, com as andanças, anunciar uma espécie de refundação do PSDB e ao mesmo tempo, nos seminários que serão providenciados, fechará com os tucanos a plataforma de 2014, que terá como carro chefe o investimento maciço em infraestrutura.

> Agora ou a perder de vista

O PSDB que tome tento, pois se não arrebatar do PT, em 2014, a presidência, poderá ver a cobiçada donzela escafeder-se por mais 4, 8, ou 12 anos.

Não que o durante possa permanecer com o PT, é que na fila pós 2014 o PSDB arrisca ficar longe da vez.

Comentários

  1. É verdade. Pelo andar da carruagem Depois do PT, poderá vir o PSB (Eduardo Campos) e o PMDB (Chalita). Este é o prenúncio para os próximos anos, se escaparmos do calendário Maia em Dezembro vizinho.

    ResponderExcluir
  2. Será Deputado que o PMDB vai se viabilizar com uma candidatura? _Pois o partido é sempre um mero coadjuvante, que quer sempre estar de braços dados com o poder, e nunca arrisca nada! Queremos no Brasil partidos, e não bibelôs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa é a minha luta dentro do PMDB: que o partido se desassombre e ofereça, em todos os níveis da Federação, alternativas de governo. Precisamos construir o destemor por concorrer, pois só concorrendo podermos ter a chance de vencer.

      Excluir
  3. Dizem que o Aécio Neves só vai visitar, em sua caravana, cidades que tenham praia. Êta povo maledicente...

    ResponderExcluir
  4. Sei que São Paulo e o Sul não votam no PT, Minas vai votar em peso no Aecio, que foi reeleito em 2006 com 77% no 1º turno e elegeu seu vice ,um desconhecido com 62%, bom gestor assim como seu avô Tancredo

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.