Pular para o conteúdo principal

A Gisele pode

A Secretaria de Políticas para as Mulheres, órgão do governo federal, pediu a suspensão da mais recente propaganda da Hope, abaixo protagonizada por Gisele Bündchen:

Segundo a secretaria “a propaganda promove o reforço do estereótipo equivocado da mulher como objeto sexual de seu marido e ignora os grandes avanços que temos alcançado para desconstruir práticas e pensamentos sexistas. Também apresenta conteúdo discriminatório contra a mulher, infringindo os arts. 1° e 5° da Constituição Federal.".

Eu não concordo com a Secretaria de Políticas das Mulheres. Deixem a propaganda no ar. A Gisele é igual ao rei Roberto Carlos: pode qualquer coisa.

Comentários

  1. A Secretária de Políticas das Mulheres deve ter se sentido diminuida pelo glamur da Gisele, na verdade deve ter morrido de inveja.

    ResponderExcluir
  2. Putz! Fala sério,né!!! Preconceito está na suspensão. Isso ai mais que defensa das conquistas deve ter um "quê" de quem não concebe o Belo...E o Belo não é da Gisele, apenas. É da conquista do macho pela femea. Tem sido assim desde os tempos idos. Se não fosse assim Adão e Eva ainda estariam "num paraiso". Eu discordo tbm dessa decisão somente pela falta de alcançe da mente humana. Morrerá toda a humanidade e jamais aprenderemos a não ser tão tacanhos. Fátima.

    ResponderExcluir
  3. Thanks ao post! Fátima

    ResponderExcluir
  4. Eu parabenizo a Fátima pelo sua posição moderna embora não tenha chegado à esse nível de entendimento. Mas se liberarmos geral só pq a Gyselle é bela, estaremos sempre abaixo dos homens (em todos os sentidos), o que nem sempre é confortável. Nem toda mulher possui os atributos de Gysele (infelizmente) e nem todo homem trata as mulheres com respeito, educação, carinho e muita pegada.
    Pagu

    ResponderExcluir
  5. Fala sério, Parsifal.... não se atacanhe tanto. Logo vc que eu admiro... ninguém pode tudo e o comercial é de péssimo gosto.

    Ana Carla Brasil

    ResponderExcluir
  6. Vamos fazer um plebiscito? Vocé é contra ou a favor de substituir a Gisele pela Iriny na peça publicitária da Hope?

    ResponderExcluir
  7. Prezada Pagu. O Belo ao qual me refiro, não está no físico, na fama,nos atributos. Está sim muito além da nossa estreita compreensão. Eu lamento que, enquanto o governo saudista avançe nos seus conceitos, o governo brasilerio dê passos atrás e ainda por mulheres. Penso que há muito mais o que se fazer concretamente do que usar canetas para suspensões bizarras, quiçar medievais. Fátima

    ResponderExcluir
  8. Fátima. Usar as mulheres saudistas para defender o seu ponto de vista é pegar pesado demais. A Gysele pode tudo sim, mas a maioria das mulhers brasileiras, não. A subserviência das que aceitam até o espancamento é fato gravíssimo. Muitas se arrepende de ter denunciado o companheiro e pedem para retirar a queixa. Mas o assunto aqui é a poderosa Gysele e a propaganda feita para extorquir os homens. Nisso a peça é fantástica, mostra que vale tuuuuudo, ou não?
    Pagu

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.