26/10/2015

Privatizações dos aeroportos mostram-se um sucesso no Brasil

As concessões dos aeroportos para exploração pela iniciativa privada têm sido um sucesso no Brasil, transformando os aeroportos concedidos em espaços com padrões de primeiro mundo.

Shot

O maior aeroporto do Brasil, Guarulhos, em um curto espaço de dois anos ganhou um moderníssimo terminal internacional, ligado através de corredores com esteiras rolantes aos demais terminais, e um edifício garagem totalmente coberto, com vaga para 5 mil veículos, que brevemente estará ligado aos terminais através de um trem.

Shot 003

Mas o grande upgrade de Guarulhos são os dois hotéis dentro dos terminais, que somente os maiores aeroportos do mundo têm, e nesse outubro foi inaugurado o terceiro, o “Tryp by Wyndham São Paulo Guarulhos Airport", que vem a ser o primeiro hotel com conceito VIP Lounge de um aeroporto do Hemisfério Sul.

Shot 005

Os demais aeroportos privatizados também sofreram as mesmas modificações, como o de Brasília, cujos investimentos já somam R$ 800 milhões.

No total, os investimentos das empresas vencedoras das licitações dos aeroportos do Brasil já beiram os R$ 2,5 bilhões.

Enquanto isso, o aeroporto de Belém deteriora a olhos vistos, e a Infraero, sem recursos para sequer mantê-lo, vai remendando o que pode para não deixar cair.

Seria ótimo se o governo colocasse Val-de-Cans na próxima leva de privatizações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.