25/01/2017

Trump ignora ambientalistas e libera construção de oleodutos

Shot002

As petroleiras dos EUA e Canadá exultaram ontem (24) quando o presidente Donald Trump, cumprindo promessa de campanha, liberou a construção de dois polêmicos oleodutos que haviam sido bloqueadas pelo ex-presidente Obama, que atendeu a pressões de ambientalistas.

O oleoduto Keystone XL transportará petróleo do Canadá até refinarias nos EUA e o outro, inteiramente dentro dos EUA, atravessará um território indígena no estado de Dakota do Norte.

As duas obras, inteiramente tocadas por capital privado, irão gerar 28 mil empregos.

No mesmo ato, Trump assinou um decreto que acelera a revisão e aprovação ambiental de projetos de infraestrutura de alta prioridade.

No final do ato, Trump pediu aos assessores que encontrassem tudo o que atrapalhasse obras e geração de empregos nos EUA que ele estava “louco para assinar a liberação”.

Não é verdade que depois de ontem tenha se iniciado na FAEPA e FIEPA uma conspiração para pressionar o governador Jatene a convidar Trump para ser o novo titular da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (SEMAS).

Um comentário:

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.