19/03/2016

Interesse público

Shot001

Em artigo de sua lavra, o advogado paraense Ismael Moraes, destoa da maioria dos advogados que já se manifestaram sobre o assunto, e opina que o juiz Moro, mesmo não sendo titular do foro competente para decidir sobre objeto concernente à presidência da República, deveria tomar a atitude porque a matéria seria de “interesse público”.

Para ler o artigo clique aqui.

14 comentários:

  1. Claro e o Juiz Moro sozinho e por conta própria decide quando e como se deve infringir a Lei e afrontar a Constituição em nome do interesse público? Pois que se rasgue a Constituição, dissolva o STF e deixe que o Moro assuma o Judiciário e faça as suas próprias Leis.
    Mas caso o golpe dê certo e o PMDB que já tem o legislativo, também assuma o executivo com o PSDB como cúmplice, que o moro em pouco tempo terá suas asinhas cortadas e será reconduzido ao seu devido lugar, ou alguém pensa que o Cunha e seus iguais assumindo o poder vão permitir um justiceiro alucinado em seus calcanhares? E quem e como vão pagar a conta do golpe? Com o PMDB e PSDB no poder com as suas lideranças mais sujas que pau de galinheiro, a Lava Jato e a ditadura Moro não dura um mês. Quem viver, verá...

    ResponderExcluir
  2. Fico com o artigo do Prof. Luiz Flavio Gomes sobre o assunto. Pode ser acessado no blog e twitter dele.

    ResponderExcluir
  3. Depois do grampo vazado,ou publicizado,como queiram, e vendo fotos da adega do Lula, imagino que este era o local onde o ex-presidente despachava ultimamente. Como no pagode "Vacilão"(Zeca Pagodinho), Lula:
    - quis comer arroz doce com quiabo; botou sal na batida de limão; deu lavagem ao macaco, banana pro porco, osso pro gato, sardinha ao cachorro, cachaça pro pato; entrou no chuveiro de terno e sapato[...]entrou no velório,pela janela; xingou o defunto, apagou a vela;
    Aí..., usando o linguajar de Lula, f*****-se.

    ResponderExcluir
  4. o nobre advogado deve saber que Dilma é chefe do pais , no minimo o juiz devia levar ao seu superior e não para rede globo.ele foi irresponsável em fazer isso no momento por que passa o pais. em um pais serio ele seria preso.coisa de republica de bananas.

    ResponderExcluir
  5. está se instalando uma ditadura da justiça, no mau sentido.

    ResponderExcluir
  6. "Ele não é o único juiz do país e deve atuar como todo juiz. Agora, houve essa divulgação por terceiros de sigilo telefônico. Isso é crime, está na lei. Ele simplesmente deixou de lado a lei. Isso está escancarado. Dizer que interessa ao público em geral conhecer o teor de gravações sigilosas não se sustenta", afirmou; ele também disse que o STF é a última trincheira da cidadania, afirmou que o ministro Teori Zavascki – e não Gilmar Mendes – é o relator das ações contra o ex-presidente Lula e fez um alerta: "Não podemos incendiar o País". - Marco Aurélio Mello Ministro do STF. Moro não respeita a Lei e é tão criminoso quanto aqueles que julga.

    ResponderExcluir
  7. Pela lógica do ilustre advogado e do Moro (Batman) uma conversa de um advogado com um chefe do tráfico deve ser grampeada e divulgada publicamente já que pode ser considerada de interesse público por esta moral distorcida, eu gostaria de saber se o tal advogado tivesse sido grampeado em uma conversa com um cliente ou em uma conversa particular e ainda por cima esta conversa viesse à público se ele teria a mesma opinião... Pimenta no frufru dos outros é refresco. Isso mostra que nenhuma profissão ou instituição está livre de pessoas tendenciosas e hipócritas que pensam que são uma ilha de esperteza, velhacaria e cinismo cercados de idiotas por todos os lados.

    ResponderExcluir
  8. É incrível como o aspecto mais vil da política contaminou todo o ambiente e as instituições no Brasil. Só isso pode explicar como alguém que se roga como parte legal/jurídico emite um conceito sobre um dos mais elementares princípios jurídicos, que é a segurança jurídica com conteúdo totalmente sem técnica. Se não é o vírus político só pode ser oportunismo. Quem sabe o nobre jurisconsulto Ismael Moraes seja um dos elementos a moldar novo arcabouço jurídico no pais, quando voltar a normalidade, estabelecendo que a segurança jurídica tem como alicerce o fórum intimo e o subjetivismo.

    ResponderExcluir
  9. Caro Parsifal esse advogado é simplesmente um advogado que deve estar acostumado a práticas de burlar as regras e leis em troca de seus honorários , certamente não representa opiniões relevantes e de interesse público a sociedade. DEVEMOS SEMPRE RESPEITAR A CONSTITUIÇÃO FEDERAL!

    ResponderExcluir
  10. Pelo que corre no noticiário houveram vários grampos nos telefones do Lula, familiares, amigos, empregados, e até do advogado e seu escritório. O objetivo seria colher qualquer elemento que contribuísse como prova de crime de corrupção, lavagem, sonegação, formação de quadrilha etc. Parece que nada foi colido nesse sentido. O que o juiz divulgou tem interesse publico de fato, mais pouco relevante do ponto de vista processual que é a sua lavra, tem sim no aspecto da fofoca. O que o juiz fez nada mais foi do que fofoca. É por isso que somos o que somo no Brasil: hipócritas. Queria saber se o nobre dr. Esmael nunca falou um impropério, em caráter particular,sobre qualquer membro do judiciário, MP, policia ou de adversário.

    ResponderExcluir
  11. Essa DILMA, até para praticar um crime é incompetente, será que não tinha ninguém, para ligar ao LULA, avisando que o BOSSIAS estava levando o termo de posse.
    A DILMA vacilou feio, e o telefone dela não estava grampeado, e sim o telefone da "alma mais honesta do mundo".
    A partir do momento que ela resolve proteger o APEDEUTA, e decide ligar pessoalmente se expôs, e agora vai ter que arcar com o ônus de sua barberagem.
    A Presidente Dilma está desmoralizando a Presidência da República, e o próximo Presidente além de buscar a restauração da economia, terá que restabelecer a dignidade do cargo, que já está banalizado pela Presidente atual.
    Triste ver a situação do país, e para uma Presidente telefonar pessoalmente, é porquê, ninguém mais fica perto dela, para uma pequena orientação, como por exemplo: "deixa que eu ligo Presidente".
    Este governo tenta inverter a verdade dos fatos, que estou até com medo, que resolvam botar a culpa no pobre do BOSSIAS

    ResponderExcluir
  12. o Moro violar normas legais em função do que considera ser interesse nacional e um absurdo que abre a porta para mais absurdos.
    Um juiz evangelico poderia achar que é interesse nacional dialogos que provem adulterio de politicos e publica-los. Poderiamos ouvir gravações nesse estilo: querido, esse seu pivot é fantastico - querida, seu buracão é uma delicia.

    ResponderExcluir
  13. Só Bobagem Marcio, não houve crime algum no telefonema e porque a presidente não pode ligar pessoalmente? Tanto faz se o telefonema é da Presidente ou de um assessor a repercussão seria a mesma e outra, ela telefonou por que não tem nada a esconder portanto não tinha o que temer. Quando ela poderia imaginar que um Juiz fofoqueiro (isso não passou de fofoca) iria grampear o telefone do Lula, dos amigos e parentes do Lula, dos empregados do Lula, do porteiro do zelador o prédio do Lula, dos vizinhos do Lula e se os cachorro e do papagaio do Lula tivessem telefone ele mandaria grampear também e não encontrando nada fosse fazer fofoca mandando os áudios pra rede globo, o fofoqueiro comum fofoca com amigos e conhecidos e nas redes sociais, o juiz fofoqueiro muito importante fofoca com a Globo em rede nacional, mas a fofoca é a mesma.
    Se a Presidente está desmoralizando a Presidência porque resiste ao golpe, o Temer também desmoraliza já que meteu a mão no dinheiro da Petrobrás e se envolveu no escândalo de Santos.
    O Renam e o Cunha desmoralizaram o Congresso já que os dois são acusados na Lava Jato de receber propina da Petrobrás. Já o Moro e os Ministros do STF desmoralizam o Judiciário, já que o primeiro é um Juiz fofoqueiro, ama holofotes e ainda por cima não respeita a Lei e a Constituição, portanto é tão criminoso quanto os que julga, já os Ministros do STF desmoralizam o Judiciário porque se acovardam e se omitem diante dos absurdos e ilegalidades do Moro.
    Não posso me esquecer do Aécio que tinha esquema de corrupção em Furnas, foi delatado cinco vezes na lava jato e tem conta em paraíso fiscal, portanto desmoraliza o PSDB, sem esquecer do Alckmin cujo governo é protagonista do escândalo do trensalão tucano e rouba merenda de criancinhas, portanto desmoraliza o Governo de São Paulo. Como pode ver cara-pálida a desmoralização é geral, e cuide para não desmoralizar este espaço de comentários que deveria ser sério escrevendo tanta besteira e demonstrando tanto preconceito.

    ResponderExcluir
  14. ja pensou se o juiz grampa o advogado autor do texto e fica sabendo de ante mão as estrategias dele com relação ao cliente. kkkk dai não precisa advogado.

    ResponderExcluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.