26/10/2015

Operação Zelotes: PF faz busca e apreensão em empresa de filho de Lula

Shot 008

Em um desdobramento da Operação Zelotes, que, que investiga um esquema de pagamento de propina a integrantes do Carf (Conselho Administrativo de Recursos Fiscais), vinculado ao Ministério da Fazenda, a PF cumpre, desde a manhã de hoje (26) seis mandados de prisão preventiva, 18 de busca e apreensão e nove de condução coercitiva em Brasília, São Paulo, Piauí e Maranhão.

Dentre os endereços de busca e apreensão está o da empresa LFT Marketing Esportivo, que pertence a Luís Claudio Lula da Silva, filho do ex-presidente Lula. Luís Claudio não é o filho conhecido como “Lulinha”.

As apreensões na LFT Marketing se dão para cruzamento de dados com aqueles apreendidos no escritório Marcondes e Mautoni, que teve um dos sócios presos na operação e em 2014 contratou a LFT por R$ 2,4 milhões. A PF desconfia que a operação foi mera transferência de dinheiro.

Apesar de não massificada na imprensa, os números da Zelotes são similares ao da Lava Jato, os processos investigados somam R$ 19 bilhões, consistindo no maior esquema de sonegação fiscal já descoberto no Brasil.

A PF suspeita que três quadrilhas operavam dentro do Carf, causando um prejuízo de pelo menos R$ 6 bilhões aos cofres públicos.

Abaixo as empresas investigadas na Zelotes e os respectivos valores suspeitos. Como na Lava Jato, as empresas estão entre as maiores do Brasil:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.