27/07/2013

Eike Batista: além da queda o coice

Shot002

Em recente postagem sobre o derrocamento da fortuna de Eike Batista eu opinei que, apesar de tudo, ele ainda poderia ser considerado um caso de sucesso, pois deveria levantar da mesa com algo em torno de R$ 1 bilhão no bolso.

A Bloomberg demonstrou que eu sou um péssimo analista de sobras ao listar que a fortuna de Eike Batista na quinta-feira (25) era de “míseros” US$ 200 milhões, ou seja, o menino prodígio não é mais bilionário e conseguiu a pior das suas proezas: em pouco mais de um ano perdeu 99,42% do que “ganhou”.

Como quem cai do cavalo tem que se apurar senão ainda leva coices, Eike Batista é sujeito passivo de mais de uma investigação na Bolsa de Valores, que apuram se ele inflou as suas ações com fatos relevantes não verdadeiros sobre descoberta de petróleo em seus campos.

Caso as conclusões sejam positivas, Eike Batista poderá ser levado ao banco dos réus e isso já não é mais coice: já é o cavalo pisoteando o cavaleiro após a queda.

2 comentários:

  1. Quero ver se vão coloca-lo na CERASA por não pagar o BNDES?

    ResponderExcluir
  2. o padrinho lula não vai deixar nao!

    ResponderExcluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.