27/11/2015

Os bastidores da Lava Jato

Screen

A prisão do senador Delcídio Amaral (PT-MS) e do banqueiro André Esteves trouxe à tona um fato que a procuradoria-geral da República já discutia com os ministros do STF: os dados sigilosos da Operação Lava Jato são vazados seletivamente para a imprensa e totalmente para terceiros interessados.

Os ministros do STF foram alertados pelo procurador-geral da República que André Esteves tinha em seu poder todos os documentos sigilosos da delação premiada de Nestor Cerveró. É possível, e em função disso foi decretada a prisão e a busca e apreensão nos próprios do banqueiro, que não somente a delação de Cerveró lhe tenha chegado às mãos, mas todas as delações colhidas na operação Lava Jato.

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, opina que o fato "revela a existência de perigoso canal de vazamento, cuja amplitude não se conhece" e que é um “genuíno mistério" o fato de que documento "guardado em ambiente prisional, com incidência de sigilo, tenha chegado às mãos de um banqueiro privado em São Paulo".

E assim como os depoimentos sigilosos chegaram às mãos de Esteves - através de uma rede de vazamento dentro da PF, ou do próprio Poder Judiciário -, podem ter chegado em mãos outras, que podem ter providenciado, de posse de informações privilegiadas, a destruição de provas.

Dizem as alcovas dos tribunais, que foi com a suposição da existência dessa verdadeira rede criminosa de obstrução da Justiça, montada a partir do alcance dos autos sigilosos, que o ministro Teori Zavascki, juntamente com os demais ministros do STF, decidiu bancar a decretação da prisão do senador Delcídio Amaral, pois ele foi o único contra o qual foi apresentada prova da continuada obstrução.

Há quem garanta que no ventre da Lava Jato há outra investigação que tenta desvelar quem são os autores dos vazamentos e se eles agem pecuniariamente, vendendo as cópias das delações para investigados e outros interessados.

Comenta-se que o clima é de total desconfiança, pois policiais instalaram grampos ilegais em departamentos da própria Polícia Federal, para investigarem uns aos outros.

A Lava Jato, em sendo verdades os sussurros, criou vida própria e alimenta-se da intricada rede que criou para si mesma, gerando derivações que começam a ficar incontroláveis. Esse seria o verdadeiro motivo que teria levado Zavascki a interromper o fluxo derivativo das investigações, fatiando os inquéritos.

2 comentários:

  1. Nº 227, sexta-feira, 27 de novembro de 2015 COMPANHIA DAS DOCAS DO ESTADO DA BAHIA
    EDITAL No- 1, DE 27 DE NOVEMBRO DE 2015
    A Companhia das Docas do Estado da Bahia - CODEBA,
    autoridade portuária constituída sob a forma de sociedade de economia
    mista, por intermédio de seu Diretor-Presidente, Sr. José Muniz
    Rebouças, no uso de suas atribuições estatutárias, TORNA PÚ-
    BLICO aos interessados que estarão abertas as inscrições para Concurso
    Público destinado ao provimento de empregos, de Nível Superior,
    de Nível Médio e de Nível Médio/Técnico, e formação cadastro
    de reserva para o quadro de pessoal da Companhia das Docas
    do Estado da Bahia - CODEBA.
    1. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES
    1.1 O Concurso Público regido por este Edital, pelos diplomas
    legais e regulamentares, seus anexos e posteriores retificações,
    caso existam, visa ao preenchimento de 18 (dezoito) vagas
    imediatas e à formação de cadastro de reserva para os empregos de
    Nível Superior, Nível Médio e Nível Médio/Técnico do Quadro de
    Pessoal da Companhia das Docas do Estado da Bahia - CODEBA,
    respeitando o percentual mínimo de 5% (cinco por cento) previsto no
    Decreto Federal nº 3.298/99, que regulamenta a Lei nº 7.853/89, no
    Decreto Federal nº 5.296/2004 e na Súmula 377 do Superior Tribunal
    de Justiça, que dispõem sobre a reserva de vagas para candidatos com
    deficiências, e o percentual de 20% (vinte por cento) das vagas para
    candidatos negros, previsto na Lei Federal nº 12.990, de 9 de junho
    de 2014. OBS: "ANTES DE FALAR DO C... DOS OUTROS, TEMOS QUE OLHAR PRIMEIRO PARÁ O NOSSO". (CONCURSANDO DA CDP).

    ResponderExcluir
  2. Te cuida Barbalhão que está chegando a tua vez; e Parsifal cuidado pra não sobrar pra ti também, porque essa quadrilha na hora da onça beber água, entrega até a mãe pra não ver o sol nascer quadrado.

    ResponderExcluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.