09/01/2015

De propinas, tucanos e velórios

Shot005

A mira do Petrolão voltou-se, mais uma vez, no rumo do PSDB.

Publicou a “Folha de S. Paulo” que o policial federal Jayme Alves de Oliveira Filho, vulgo "Careca", que entregava as propinas enviadas pelo doleiro Alberto Youssef aos respectivos destinatários dela, em depoimento à Polícia Federal, delatou ter entregue R$ 1 milhão “nas mãos de Anastasia na época em que o tucano disputava o governo mineiro.”.

Antonio Anastasia (PSDB-MG), lugar tenente do senador Aécio Neves nas Minas Gerais, foi governador daquele Estado, acaba de se eleger senador  e se junta, na lista de suspeitos, ao falecido presidente do PSDB, Sérgio Guerra, delatado pelo ex-diretor da Petrobras, Paulo Roberto Costa, como destinatário de suposta propina de R$ 10 milhões para ajudar a esvaziar a Comissão Parlamentar de Inquérito criada para investigar a Petrobras em 2009.

O atual presidente do PSDB, Aécio Neves, vendo a chincha lhe apertar a pança, investiu-se daquela moralidade que só os tucanos sabem fingir e sentenciou que “a falsa e covarde acusação não se sustenta em pé, seja pelo caráter e honestidade pessoal do senador, reconhecidos até mesmo por seus adversários políticos, seja pela falta de nexo na história apresentada”.

Antonio Anastasia, idem, declarou que o “seu único patrimônio é o moral".

Bem, eu vi muito mais que “patrimônio moral” na declaração de bens do futuro senador, mas deve ser porque “patrimônio moral” não se declara no imposto de renda.

O tucanato pátrio é fleumático e cínico,  pois quando qualquer delação cai sobre algum indigitado do PT, PMDB, PP, et caterva, imediatamente passa a ser a mais perfeita tradução da irrefutável verdade, mas quando a espora espeta as plumas de alguma majestade do PSDB, a coisa não passa de “falsa e covarde acusação”.

> Eu quero choros e velas

Shot006

Por favor, enterrem-me, pois como eu já transitei entre gregos e troianos e já li as lavras tanto dos escribas quanto dos fariseus, perdi a capacidade de me indignar com esses desfiles de falsa moralidade.

Como o Augusto Branco disse que “quem perde a capacidade de se indignar ante a hipocrisia deve ser enterrado porque já morreu”, o que vocês estão esperando para fazer o maior escândalo no meu velório?

É! No meu velório eu quero todos os meus amigos em prantos, desmaios, gritos lancinantes de dor, ataques de histerismo, e o caixão levado ao crematório carregado a muque. Nada desses carrinhos modernos que levam os caixões na maior moleza. Tem que ser tudo démodé, como nos velhos tempos.

12 comentários:

  1. KKKKKKKKKKKKKKKKKK. É Parcifal, só rir, mesmo, pra não chorar. Esse Brasil é uma piada!

    ResponderExcluir
  2. Deputado, tem gente que diz que tem que servir o público e não servir-se do público no entanto gostaria de saber porque o Mario Couto não larga o DETRAN e recentemente o senador Flexa Ribeiro indicou o Ismar Pereira para ser o secretário da SETRAN e todo dia tem gente graúda da ENGEPLAN conversando com o ele de portas bem fechadas e sem que ninguém ouça.
    É muita demagogia né não?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não!! Tucanos jamais se servem do público!! Imagine....

      Excluir
  3. Deputado,
    Ė como lhe digo são os "técnicos honestos". Eta Brasil Paid'egua.

    ResponderExcluir
  4. Fique tranquilo Dep., o senhor terá longa vida e ainda vera muinto boi "avoar", rs, e pelo andar da carruagem, dentro em breve tucana pousara na lua, rs !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá meu amigo Lucibaldo. Um grande abraço ao meu amigo Adão e a todo o nosso PMDB de Santana.

      Excluir
  5. A bem da verdade, político de vários matizes esconderem patrimônio não é tanta novidade assim. Há os deslumbrados que exibem os sinais da tunga, os dissimulados que falam dos outros mas escondem suas posses de várias maneiras, como imóveis alugados, empresas em nome de laranjas, essas coisinhas. No fritar dos ovos, se sobrar, é muito pouca gente. Vestais incluídos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você está incluindo os tucanos nesses matizes?! Cuidado, você pode ser processado por tão falsa e covarde acusação.

      Excluir
    2. Não tenho mais idade nem saco para acobertar bandidos de estimação. Quem fez bobagem, que pague. Ao longo dos anos e especialmente nas páginas policiais e manchetes de jornais, vi e entendi, que no que se refere a escândalos, roubalheiras e assemelhados, os tucanos não são muito diferentes do PMDB, PT e seus confrades. Não por acaso, as CPIs são pródigas em demonstrar que quando a coisa aperta, todo mundo conversa com tudo mundo e se faz uma enorme pizza. Sempre com sobremesa de marmelada.

      Excluir
  6. O doleiro diz que isso aí é invenção: http://veja.abril.com.br/blog/radar-on-line/brasil/youssef-esclarece-que-nunca-falou-de-anastasia-em-sua-delacao-premiada/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O doleiro pode dizer qualquer coisa. Aliás, não foi ele quem delatou o Anastasia e sim o entregador dele. É que o Youssef não sabia que o Careca também prestava serviço para outros pagadores de propinas.
      E o Anastasia, coitado, fez todas as campanhas dele pedindo esmolas nas esquinas de BH.

      Excluir
  7. É impressionante como o cheque moradia não para. Todo dia tem uma longa fila na frente da Cohab. Para descaracterizar de que se tratava de abuso do poder econômico, durante as eleições, vão ter de continuar distribuindo até o final do ano.

    ResponderExcluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.