09/10/2014

A centenas de milhas daqui…

A revista “Nature” publicou a mais nítida fotografia do que seria um gigantesco buraco negro em uma das menores galáxias conhecidas, a M60-UCD1, que fica a 50 milhões de anos-luz da Terra.

Shot

No centro da nossa galáxia, a Via Láctea, também há um buraco negro, mas esse agora descoberto tem 5 vezes a massa do “nosso”.

Um dos mais intrigantes fenômenos cósmicos, os buracos negros são entidades ultracompactas, cujo campo gravitacional é tão forte que suga até a luz que passar pelo seu raio de ação.

Grosso modo, um buraco negro básico tem a massa do Sol compactada ao tamanho da cabeça de um alfinete.

2 comentários:

  1. Será que é para este ou outro buraco negro que vai o dinheiro afanado pelos corruptos brasileiros??? Nem a luz escapa do buraco negro e nem uma verba pública escapa das mãos leves e das contas bancárias dos corruptos...

    ResponderExcluir
  2. Será que suga a velocidade de articulação do Jerferson Lima????!!!

    ResponderExcluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.