13/12/2013

IBOPE: Pará é 4° pior governo do Brasil e Simão Jatene está entre os 10 piores governadores

Pesquisa CNI/IBOPE divulgada nessa manhã (13), revela pela primeira vez nos últimos 3 anos, a avaliação dos 27 governadores do Brasil.

Na soma dos percentuais de ótimo e bom, que totaliza a aprovação do governo, o do Pará, com 22%, é avaliado como o 4° pior governo do Brasil, na frente apenas do Rio Grande do Norte, o mais mal avaliado da Federação, do Distrito Federal, do Amapá e do Rio de Janeiro.

Abaixo o gráfico com a avaliação dos governos estaduais e do DF:

Shot001

No que tange à maneira de governar, a aprovação do governador Simão Jatene também está entre as 10 piores do Brasil: apenas 39% dos paraenses aprovam a maneira que Simão Jatene governa, como se vê no quadro abaixo:

Shot003

No quesito confiança no governador do Estado, Simão Jatene está entre os 10 governadores menos confiáveis do Brasil: apenas 35% dos paraenses confiam no governador:

Shot005

O Ibope avaliou o Governo Federal por regiões. A região onde o Governo é melhor avaliado é a Nordeste, e a pior avaliação é no Sudeste. Na região Norte, o Governo Federal tem 45% de aprovação:

Shot006

Quanto à maneira de governar da presidente Dilma Rousseff, a região Nordeste é a que tem maior taxa de aprovação e a pior é no Sudeste. Na região Norte 60% aprovam a maneira de governar da presidente:

Shot007

No quesito confiança na presidente Dilma Rousseff, a região Nordeste é a que mais confia, com 64%. A região Sudeste é a que menos confia, com 45%. Na região Norte a presidente tem a confiança de 56% da população:

Shot008

O IBOPE, a serviço da CNI, ouviu 15.414 pessoas em todo o Brasil, no período de 23 de novembro a 2 de dezembro, em 727 municípios de todo país. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

29 comentários:

  1. Está pior do que eu pensava. Como eu já li aqui, tem que deixar a fila andar. O problema é comprar prefeito com convênio na eleição.

    ResponderExcluir
  2. Pobre Pará....

    ResponderExcluir
  3. É meu caro, mas o Duciomar estava morto e se reelegeu. O não vota por estar bom ou ruim e sim pela festança da campanha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade.... corremos esse risco...

      Excluir
  4. Acontece deputado que se essa pesquisa fosse feita hoje, nós iriamos cravar um outro indicador negativo. Certamente estaríamos entre os três piores.

    ResponderExcluir
  5. Deputado Parsifal como se ver quadro a baixo e quadro acima, são graficos e meros numeros, mais o me interesa, é como se via a Alça viaria antes e como se ver hoje, é como se via a estrada pra Parauapebas antes e como se ver hoje, ´´e como se ia a Jacunda antes e como se vai hoje, é como deicharam o colegio estadual Anizio Teixeira antes e como se ver ele hoje, o seu ta seguro deixe que os outros se virem nos trinta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E você já andou na estrada que liga São Geraldo a Piçarra? Na que liga o Acará e Tomé-açu até a PA-150? E na que vai de Baião até a PA-263? E no trecho da PA-150 do Moju até Tailândia?
      E você já foi nas escolas que estão caindo aos pedaços em todas as cidades do Pará? E você já precisou ir no Hospital Metropolitano? E no Regional de Breves? E no Regional de Marabá? Experimente quebrar uma perna e ir lá que você vai fazer parte do percentual que desaprova o Jatene.
      Você já foi assaltado, em plena luz do dia? Eu já. Levaram o meu carro.
      Seguro? Aonde? Até o delegado geral levou bala...

      Excluir
    2. O Jatene 2 conseguiu ser pior do que o Jatene 1. Ai que saudades do Carlos Santos.

      Excluir
    3. Vocês precisam vir na região sudoeste do estado, aqui falta tudo!!

      Excluir
    4. Com tantos erros gramaticais em um texto tão curto, me parece q a escola foi reformada, ou maquiada, mas falta professor pra ensinar ao anônimo das 14:55.

      Excluir
  6. 22% aprovam? Deve ser esse o percentual de DAS empregado em todo o Estado do Pará.

    ResponderExcluir
  7. O Pará que a gente faz...então vamos fazer mais...em 2014 vote 45.

    ResponderExcluir
  8. parsifal. o que vc achou da decisão do TJE que não acatou HC para trancar ação do ORM AIR COM O GOVERNI SIMÃO JATENE

    ResponderExcluir
  9. Pelo jeito em 2014 será a eleição mais fácil; acredito que o atual Governador nem tente a reeleição, pois será vergonhoso o seu desempenho. Não temos uma única obra em Belém com ou sem destaque, o mesmo está perdendo até para Ana Júlia, com todo o respeito, que foi um fracasso.

    ResponderExcluir
  10. Eu já sabia!!
    Um governo preguiçoso desse, não pode nunca ser bem avaliado.

    ResponderExcluir
  11. Mais foi melhor que o governo de ana julia que ta queredo voltar!

    ResponderExcluir
  12. Deputado,
    Não dá para considerar essa avaliação já que temos um governardor que passou 3 anos se escondendo, inventando doença, deixando seu sercretariado se expor sem o mínimo de preparo, ele deve agradecer a deus por está vivo e esperar para ser enterrado em 2014 pelo diabo, pelo seu grande pacto pelo Pará.

    ResponderExcluir
  13. Maranhão e Rio de Janeiro estão também entre os piores Deputado, e nem assim um único comentário. Aliás Maranhão que sempre foi administrado pelos donos do Estado, o PMDB, é considerado um dos estados mais miseráveis do país. Enquanto seus donos (Sarney) são milionários.
    Infelizmente ainda tem os que são donos de grandes grupos de comunicação (que sua aquisição ainda é de forma duvidosa) que se metem em política apenas para depenar os Estados e posar de salvadores da pátria.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os dados estão todos aí para serem lidos e interpretados. Talvez os comentários se limitem ao Pará porque nós moramos no Pará. Dos sarneys e dos cabrais que cuidem os maranhenses e cariocas. Ainda, grupos de comunicação não governam estados. No caso do Pará, o PMDB está há 20 anos fora do governo, que nos últimos 15 anos foi governado pelo PSDB e o resultado disso se veem em todos os índices publicados.

      Excluir
    2. Primeiro q o PSDB não ficou no governo nos últimos 15 anos, esqueceu do governo passado? O "amado" PT, através da "competentíssima" governadora ANA JÚLIA, levou o estado do PARÁ à miséria, ao fundo do poço. O governador SIMÃO JATENE, passou os 4 anos arrumando a casa que os PTralhas bagunçaram. 45 neles!!! JÁ!!!

      Excluir
    3. A mesma conversa de sempre,passou 4 anos arrumando a casa,e os outros 4 anos que ele governou? A casa ainda estava em construção? recolha-se à sua ignorância.

      Excluir
  14. Vai entrar na zona do rebaixamento.

    ResponderExcluir
  15. Pesquisa CNI IBOPE: Pará tem o 5º pior governo do Brasil. 61% da população não confia nele, 57% desaprovam seu pífio governo. Jatene, pede pra sair. Rasga!

    ResponderExcluir
  16. Parsifal, há chance para o Jatene conseguir se reeleger em 2014, se a pesquisa IBOPE mostra que 61% da população não confia nele e 57% o rejeita. Quais as táticas de sobrevivência ele adotaria no ano de eleição ( não levando em conta possíveis compras de votos por seus asseclas)?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As chances são remotas, mas há. Pesquisas são retratos de momentos e o humor do eleitor muda tão rápido quanto nuvens.

      Excluir
  17. Amigo anonimo das 10,26h, qual a diferença do meu voto pro teu? o deputado Parsifal é mais letrado que vc, procure a ele, se quando o eleitor vai votar, ele leva a indentidade, e o titulo ou levar dicionario?

    ResponderExcluir
  18. Quanta bobagem!!! Se o governador não se reeleger, que eu acho impossível porque não acredito em pesquisa comprada; mas vamos supor que não se reeleja, quem seria o futuro governador?! Paulo Rocha? Hélder Barbalho? ou seria "a competente" Ana Júlia Carepa?! Socorro!!!! Estamos F......e mal pagos!!!!

    ResponderExcluir
  19. joão cardoso26/06/2014 15:17

    ainda assim eu voto 45 já
    é o melhor pro meus estrado e melhor pro meu Acará

    ResponderExcluir
  20. Bom ressaltar que na época da Ana Júlia era o pior. Ela entregou o estado em desgraças nas mãos dele...

    ResponderExcluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.