24/11/2013

Cadillac One: o super blindado da presidência dos EUA

Shot001

Desde o assassinato de Jonh Kennedy em 1963, a segurança pessoal do presidente dos EUA passou por um processo revolucionário: aboliu-se o carro aberto para transporte do presidente e a limusine presidencial, incorporando tecnologia de ponta e poder defensivo, virou um verdadeiro bunker móvel.

A “The Beast” (A Besta), como é chamada a atual limusine presidencial dos EUA, tem blindagem em aço de 20 cm de espessura em toda a carenagem, os vidros, temperados com aço para aumentar a resistência a impactos, têm 12 cm de espessura. Os pneus, grandes como os de um ônibus, são reforçados com kevlar run-flat, o que não impede a limusine de continuar rodando caso não resistam a uma bomba e estourem.

Clique na imagem e, na próxima página, posicione o mouse sobre os alvos para ler os detalhes do Cadillac One.

3 comentários:

  1. TSE não concede liminar ao DEP. GABRIEL GUERREIRO.
    Como o SR. acha que vai ficar, de aquela explicação que lhe é peculiar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caso o TSE não conceda a liminar o primeiro a ser chamado para assumir a vaga é Zé Francisco, que embora tenha saído do PV, ainda é o primeiro suplente do PV, pois quando ele saiu do partido não foi reclamada, por quem de direito, a supressão da suplência.
      Poderá, porém a sua chamada ser impugnada pelo segundo suplente, o vereador de Tucuruí, Deley Santos, que também saiu do PV para o PPS e terá a sua pretensão suprimida pelo fato de já ter sido eleito por outro partido, o que lhe deixa em situação jurídica menos confortável que Zé Francisco.
      Se a tese de que a saída do partido, sem supressão de suplência, pode ser elidida pelo retorno, então Zé Francisco assume a vaga. Se a tese procedente for a de que a saída, mesmo sem que se tenha requerido a supressão, afasta a prerrogativa da suplência, assumirá a vaga o quarto suplente, que é um vereador de Canaã dos Carajás.

      Excluir
    2. Grato, um grande abraço.

      Excluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.