23/09/2013

Angela Merkel vence e se consolida com uma das maiores líderes políticas do século XXI

Em tempos de crise combatida com austeridade fiscal e dureza política, a primeira-ministra da Alemanha, Angela Merkel, conquistou o terceiro mandato com a maior vitória já conquistada pelo seu bloco em 23 anos: 41,5% dos votos na eleição de ontem (22).

Shot001

O coalisão conservadora de Merkel (União Democrata Cristã e União Social Cristã Bávara) precisará buscar apoio na centro-esquerda para formar a maioria no Parlamento, pois os seus parceiros históricos, os Democratas Livres, conseguiram apenas 4,8% dos votos, o que os impede de obter cadeiras no Parlamento: na Alemanha, os partidos que não obtiverem o mínimo de 5% dos votos, não têm direito à cadeiras. É a cláusula de barreira que se tentou implantar no Brasil, sem sucesso.

A vitória de Angela Merkel, em um momento de crise europeia, não só ratifica a sua política econômica ortodoxa, como a transforma na maior líder política da Europa, dando à Alemanha um significativo poder de negociação na Comunidade Econômica Europeia e no mundo ocidental.

4 comentários:

  1. Caro deputado tem uma postagem no blog da Franssinete Florezano relatando o que se segue: Recentemente, o juiz Pedro Enrico de Oliveira respondeu pela 3ª Vara Penal de Altamira e constatou que a região afetada pelas obras da UHE-Belo Monte está sitiada pelo tráfico de entorpecentes. Em 9 dias fez quase 50 audiências e, à exceção de duas, todas as demais estavam relacionadas ao tráfico de drogas.

    Nesse período, conta que encontrou advogados corrompidos pelo tráfico, apresentando documentos falsos, e até - pasmem! - médico de hospital público emitindo atestado falso para traficante não participar de audiência e protelar a instrução processual. Enfim, o tráfico dominou o cenário em Altamira e região.
    Se contar que o juiz não descobriu os esquemas imorais que estão sendos cometidos no preisidio local onde o trafico manda chegando ao absurdo de traficantes pagarem ate mil reais pra ficar numa cela que tem acesso por fora da ala carceraria proxima a cozinha. Fora a relação promiscua de servidores temporarios que fazem parte da direção.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente essa é a realidade carcerária do Brasil: o crime organizado comanda o tráfico de dentro dos presídios. O sistema de segurança pública está falido (acha que comprar carros e helicópteros é a solução) e não há disposição do governo para mudar o modelo.

      Excluir
  2. Ortodoxia financista que arrebentou com as economias dos países Iberícos como Espanha e Portugal, e ainda levou junto a Grécia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, foi a heterodoxia econômica irresponsável que quebrou a Espanha, Portugal e Grécia, além de outros, que inventaram de imprimir dinheiro sem lastro e gastar além do que arrecadam.
      Quando a senhora Merkel chegou ao poder na Alemanha, os países citados já tinham um deficit astronômico que não poderia resultar em outra coisa senão na bancarrota.
      O que ela fez foi dizer a eles que até poderia ajudá-los, mas não colocaria o dinheiro alemão em um poço sem fundo, e instou-os a colocar fundo no poço, o que providenciaram e estão convalescendo uma recuperação, com metas estabelecidas.

      Excluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.