07/08/2013

O Congresso Nacional de costas às ruas

Shot027

Quando a presidente Dilma colocou em sua pauta ao Congresso uma reforma política para viger nas eleições de 2014, o fez baseada em pesquisa cozida no calor do “Levante de Junho”, que indicava ser esta a opinião de 80% da população.

A presidente, não obstante, errou no modus operandi, o que acabou por tostar a pauta na fogueira de vaidades do Congresso.

Pesquisa do Ibope publicada ontem (6), encomendada pelo MCCE (Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral), ratificou o que todas as pesquisas de opinião vêm desvelando: o sistema eleitoral brasileiro se finou há algum tempo e só os “homens de Brasília” ainda não se deram ao trabalho de levar o féretro à cova:

pesq

Impressiona-me como o Congresso Nacional, vilipendiado ao rés do chão pela opinião pública, continua fazendo ouvido de mercador ao que deseja o representado. Depois reclamam quando o chicote lhes deita às costas, mas é exatamente isso que dão ao povo: as costas. Que as vergastem então.

O Ibope ouviu, entre 27 e 30 de julho, 1500 pessoas com mais de 16 anos, por telefone. A margem de erro é de 3 pontos porcentuais para mais ou para menos.

3 comentários:

  1. Raimundo Rodrigues07/08/2013 16:31

    O que me impressionou foi o erro de soma para a porcentagem de 100% dos 3 primeiros questionamentos:
    85% + 25% = 110%
    84% + 26% = 110%
    92% + 18% = 110%
    Essa pesquisa não foi feita pelo "jornalismo" da RBA não meu caro Parsifal???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Raimundo. Ótimo que você tenha lido com atenção, pois foi o único que notou o erro.
      O erro não foi do Ibope e sim meu, que na hora de fazer a tabela aumentei, não tenho a mínima ideia o porquê, 10 pontos em cada um do itens corrigidos por você.
      Agradeço-lhe a observação e vou corrigir imediatamente antes que o Ibope me processe.
      Se fosse o jornalismo da RBA que tivesse feito a pesquisa, com certeza, estaria 100% correta.

      Excluir
  2. Imagino que castigo acontecerá já em 2014. O chicote será o voto.

    ResponderExcluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.