23/08/2013

Belém é a pior metrópole do Brasil

Assim como Marituba é a cidade com o pior Índice de Bem-Estar Urbano (IBEU) situada em região metropolitana do Brasil, a cidade de Belém, com IBEU de 0,251, em uma tabela que vai de 0 a 1, é a metrópole que pior proporciona bem estar urbano no Brasil.

Abaixo a classificação das 15 regiões metropolitanas:

1. Campinas-SP, com índice de 0,873.

01


2. Florianópolis-SC, com índice de 0,754

02


3. Curitiba-PR, com índice de 0,721

03


4. Goiânia-GO, com índice de 0,720

04


5. Porto Alegre-RS, com índice de 0,719

05


6. Vitória-ES, com índice de 0,699

06


7. Belo Horizonte-MG, com índice de 0,658

07


8. São Paulo-SP, com índice de 0,615

08


9. Distrito Federal (DF), com índice de 0,610

09


10. Salvador-BA, com índice de 0,573

10


11. Fortaleza-CE, com índice de 0,564

11


12. Rio de Janeiro-RJ, com índice de 0,507

12


13. Recife-PE, com índice de 0,443

13


14. Manaus-AM, com índice de 0,395

14


15. Belém-PA, com índice de 0,251

15

Para a composição final do BEU são considerados os seguintes quesitos: mobilidade urbana, condições ambientais urbanas, condições habitacionais, atendimento de serviços coletivos e infraestrutura urbana.

Definitivamente, o Pará tornou-se um caso de sucesso pelo avesso na última década.

32 comentários:

  1. Orlando Brito do carmo23/08/2013 09:05

    Questiono a posição de Belém no BEU, pois ser a pior significa ficar em último lugar. A 15ª posição não é lá essas coisas. Tudo bem que não é das melhores, mas não é a pior. A publicação não cita a posição de outras cidades metropolitanas, como Natal, Teresina, Palmas, Macapá, Rio Branco, São Luiz, Maceió. Cuidado para não avacalhar tanto a nossa cidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Há apenas 15 regiões metropolitanas legalmente constituídas e reconhecidas pelo Governo Federal.
      Quanto à Belém, meu caro, infelizmente, não há como avacalhar mais Belém :a cidade já está no fundo do poço. E nós mesmos é que não tivemos o cuidado que você agora pede. Mas há remédio:responsabilidade política e cívica. E mais uma vez, isso cabe a nós.

      Excluir
  2. E a tendência é piorar. Pois são especialistas nisso esse pessoal que aí está.

    ResponderExcluir
  3. Dep. Parsifal,
    Não concordo com o título da postagem.
    Quem foi que disse que Belém é metrópole? Nunca foi e nunca será.
    Abçs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A região metropolitana de Belém é uma das 15 instituídas por lei e reconhecidas pelo Governo Federal.

      Excluir
  4. Isso porque não é o PMDB que esta no Poder ne seu Parsifal, ate tinha uma certa admiração por sua pessoa mais ja vi quem manda mesmo é o que manda voce colocar as noticias uma pena.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não interessa quem está no poder. Sempre postei e sempre postarei dados e informações. Não admire pessoas: admire verdades. Se verificar uma informação errada, avise - me e será corrigido. Não se refutam verdades com preferências políticas.

      Excluir
  5. Parsifal diz pra gente quando foi feita esta pesquisa!

    ResponderExcluir
  6. Aproveita que na sua opinião Belem não presta e vai embora de uma vez!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você deve ter lido isso em outro blog, pois aqui não está escrito que Belém não presta e também não é esta a nossa opinião. Mas não podemos negar que a cidade precisa de cuidados urgentes, por estar doente.
      Refuto a sua sugestão mal educada e grossa :guarde-a para alguém do seu parecer.
      Você, e nem ninguém, é dono da cidade. Ficarei aqui até quando achar que devo e opinando até quando entender que posso.

      Excluir
  7. caro deputado tu esta se tornando cada dia o fantasma da opera,como tu viraste de uma hora pra outra o ferrenho opositor do governo pra satisfazer a vontade do seu chefe, recomendo ,o, a ler o livro[honoraveis,bandidos] pois o mesmo fais uma homenagem a um correligonario, seu e do seu amado gurú.cada homenagem que tu fazer ao seu paxá sera respondida no mesmo tom para que o povo entenda o perigo que ronda o nosso estado se cair novamente nas maos dos barbalhos e a sua corja.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chamar-me de fantasma da ópera é elogio. Acho que você quer me xingar, portanto, mude o apelido, ou pergunte ao governo, pois eles é quem entendem de ópera.
      Não preciso dos seus conselhos de leitura:tenho as minhas preferências.
      Mas se você quiser ler relatórios sobre corrupção no governo do estado, eu tenho vários e volumosos.
      Por fim, você é um valente frouxo:faz muito bafo escondido atrás da moita.

      Excluir
    2. isto e uma opçao do seu blog ze ruela ou entao corta esta opçaõ tou no fronte e so encara,

      Excluir
    3. Sim, é uma opção do blog, para que pessoas educadas usem com inteligência e solidez argumentativa. Mas, pelos seus comentários, a boa educação e a inteligência argumentativa não é uma opção para você, pois você, definitivamente, não as tem, portanto, não pode usá-las. Como você não consegue redigir nada sólido e só sabe grunhir, faz-se necessário ficar na tocaia, característica nata da irracionalidade.

      Excluir
  8. Francisco Marcio23/08/2013 19:34

    Deputado, com toda reserva que tenho com algumas de suas ponderações, mas verdade seja dita: esse tom não é o que Vossa Excelência habitualmente utilizava. Nao permita que seus opositores consigam tirar-lhe a fineza, o bom trato. Definitivamente essa silhueta, nao lhe assenta bem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você se habituou a ver o perfil que ilustra porque, idem, sempre viu que o tom dos comentários também eram educados. Apenas devolvo o que recebo. Não refuto o bom debate, mas não é possível entregar flores a quem me oferece espinhos. Ou demarco esse território ou, em pouco tempo, os recalcados de plantão desejarão o login e a senha do blog para eles mesmos fazerem as postagem.
      É o exercício do que o meu pai dizia: "rapaz, quando alguém chegar a sua casa com educação, trata-o com o dobro da delicadeza, mas se alguém chegar na tua casa de cueca, tira imediatamente a roupa e fica nu, para que todos saibam quem é o dono da casa".
      Coisa de lobos, que urinam para demarcar o território quando notam que algum outro de desgarrada matilha, ronda o pedaço querendo fincar os dentes.
      Portanto, meu caro Marcio, embora tocado pela sua observação, rogo-lhe escusas por não poder lhe seguir a orientação: boa educação, o dobro dela. Grosseria, o dobro dela também.

      Excluir
  9. Parsifal;

    Fazer uma avaliação da qualidade de vida da cidade de Belém do Pará com base nos parâmetros deste estudo, já é uma grande concessão. O estudo poderia ser mais rigoroso e, por exemplo, apontar tendências nacionais e mundiais em matéria de desenvolvimento urbano, que neste cidade foram sacrificadas a bem do interesse de uma família. Imaginem como seria linda a cidade vista da baía do Guajará como uma grande orla e um paredão de prédios imponentes lá atrás, lembrando uma Copacabana, ou uma Boa viagem. Mas o Cipriano e o Duciomar foram contra, e deram um jeito que equivaleria a transferir Ipanema para Magé. Imagina uma Belém parecida com Manaus, com uma bela ponte atravessando o rio guamá bem ao lado da UFPA, onde a extensão é menor e futuramente teriamos uma grande cidade cortada por um grande rio, com atrativos bem maiores; mas interesses outros desviaram o projeto para bem longe, num trecho em que só serviu para quem especulou terras antes do projeto e para assaltantes. Até a obra do grande mestre Oscar Niemeyer agora virou monumento inacessível. Assim não dá.

    ResponderExcluir
  10. Falta voce dizer quando foi feita esta pesquisa. Não vem com esta de dizer que foi agora no governo do Zenaldo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não está escrito em parte alguma que a avaliação foi feita no governo do Zenaldo e o prefeito atual não teve tempo, e nem terá, para mudar o perfil dos índices.
      A avaliação é feita de 10 em 10 anos. os dados compilados se referem aos anos de 2001 a 2010. E isso não é uma pesquisa, ou seja, não foi feita ouvindo a opinião das pessoas. É uma avaliação científica baseada em dados fornecidos pelo IBGE e informações científicas conforme explicado na postagem.

      Excluir
    2. É Parsifal mas dá a entender que isto é coisa de agora como voces publicam! Na noticia voces deveriam dar o periodo e não querer dizer nas entrelinhas que isto é coisa de agora.

      Excluir
    3. Não há "vocês" aqui. Esse blog é escrito e mantido somente por mim.
      Permita-me sugerir que você não leu, com atenção, a postagem. Na remissão está, na postagem remetida, a origem dos dados do relatório e seu período.
      A questão é que as pessoas estão, cada vez mais, perdendo a habilidade de ler qualquer coisa que vá além dos 150 caracteres do Twitter.
      Mas, discordando do seu epílogo, isso é coisa de agora. Não no sentido de que o Zenaldo foi quem cometeu os disparates de deixar Belém chegar a esse ponto, mas no sentido de que estamos vivendo em uma cidade que não entrega vida urbana sequer razoável aos seus cidadãos. Sem procurar quem são os culpados, todavia, cabe ao prefeito tentar iniciar um processo de gestão que reverta isso.

      Excluir
    4. Parsifal;

      Mudar o perfil de uma cidade é mudar o perfil da política local; e se esta não mudou, aquela então não mudará. O que se espera de Zenaldo é o mesmo que se espera do PSDB: dinheiro nas mãos de construtoras, da imprensa, dos empresários que vão financiar a campanha e o enriquecimento pessoal, etc.

      Excluir
    5. É verdadeira a sua afirmação e ratifica o que sempre digo aqui: a minha geração de políticos falhou e faliu. Não somente por causa do patrimonialismo que sempre pautou a política brasileira, mas, também, pela total ineficácia na gestão.
      Eu disse ontem em Breves, durante um pronunciamento no seminário da Presidência da República que discute os objetivos do milênio, que o nosso modelo (se é que há um) de gestão está comprovadamente equivocado e se insistirmos com ele o Brasil, cada vez mais, se distanciará do Pará.

      Excluir
  11. Tristeza, indignação são as palavras. É por isso que vou pra Escandinávia.

    ResponderExcluir
  12. Precisa-se esclarecer a esses mascarados burros que vivem escondidos
    postando opinião sem assumir que:
    Essa pesquisa é feita periodicamente sem todo Brasil e não expressa
    a vontade do governante, isso funciona com um " espelho" dos varios
    Governos no periodo de 10 anos.
    Agora, esses
    Mascarados babacas desconformados, vestem a carapuça por aprovarem
    o falsário criminoso do dulciomar para governar 8 anos e deixar a cidade
    Nesse inferno. Que querem vcs agora?

    ResponderExcluir
  13. Belém é uma cidade arrasada, de habitantes violados, mal educados, que não sabem reivindicar seus direitos e cumprir com seus deveres. A cidade fede a bosta, com sua burguesia mesquinha, que passeia em carrões importados ao lado de carroças, ônibus imundos e mendigos. Faz caminhada ao lado de um canal cheio de merda, na Doca, e chama aquela coisa horrenda de cartão postal. Seus eleitores são burros quando elegem prefeitos vereadores criminosos, mesquinhos e incompetentes para administra-los.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu amigo, tudo o que você disse considero como verdadeiro, porque visualizo estas atrocidades todos os dias.

      Excluir
  14. Poxa que pena que vc Anônimo das 16:14 já está indo embora de Belém! Realmente não vejo motivos pra vc permanecer numa Cidade devastada e com habitantes piores que bichos a sua vantagem é que vc ainda tem 14 regiões Metropolitanas pra escolher, mas pelo visto vc vai escolher a que melhor pontuou, Campinas, tenha uma boa viagem e nunca mais volte por aqui!!!

    ResponderExcluir
  15. Ao da 23:21. Amo Belém. Nasci nesta cidade e pretendo viver os meus últimos dias aqui. Mas desprezo hipócritas. Repugno Corruptos. Desprezo políticos como o ex prefeito falsário Duciomar e o atual, que tu deves ter votado. Enquanto eu viver nesta terra, continuarei lutando e denunciando os malfeitores que destroem a minha cidade e enqriquecem a custa do povo pobre. E tenho certeza que um dia Belém voltar a ter dignidade.

    ResponderExcluir
  16. Parsifal, realmente é lamentável a situação de nossa capital e estado, em vários cenários. Sou um jovem de 22 anos, e estou esperando terminar meu curso técnico de informática para realizar um curso de assistente administrativo, para depois tentar a vida no Nordeste. Existe algum post seu que faça uma análise de Belém em relação ao mercado de trabalho atual? Caso haja, por favor, notifique-me pois li superficialmente seu blog e gostei do conteúdo existente. Eu leio o Blog Belém, você conhece? Se a resposta for sim, quais suas considerações a respeito dele?
    É isso, meu caro. Tentarei ter tempo para ler mais seu blog. Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá. Não lembro de alguma postagem feita aqui sobre mercado de trabalho. Dei uma olhado no blog sugerido por você. Trata-se, na maior parte, de uma resenha de notícias de outras fontes, mas é bem selecionado.
      Abraços.

      Excluir
  17. O Parsifal tem razão quando fala da avacalhação que tá Belém e também tem razão quem falou mal do Parsival rsrsr

    ResponderExcluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.