08/11/2016

A serpente voadora

Imagine-se sentado na poltrona de uma aeronave comercial, a 10 km de altura, apreciando a paisagem e, não mais que de repente, entre a parede do avião e o bagageiro superior aparece uma serpente se esgueirando sobre a sua cabeça.

Foi o que ocorreu no voo 231, da AeroMéxico, na semana passada, como se vê no vídeo abaixo, tomado e publicado pelo reitor da Universidade de Torreón, que voava de Torréon para a Cidade do México:

Foi um Deus nos acuda no voo, que já estava próximo ao destino e pousou com prioridade, onde já o esperava uma equipe da Associação Veterinária de Répteis e Anfíbios do México, que fez a remoção da serpente.

Segundo nota da AeroMéxico, a serpente não era venenosa. O problema é que seja ou não peçonhenta o susto é o mesmo e não tinha como abrir a porta e sair correndo.

2 comentários:

  1. Mano, voava mais rápido que o avião de lá.

    ResponderExcluir
  2. Vai ver, alguém levou a sogra...

    ResponderExcluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.