01/03/2016

Drops de banana comprida

O Leão está solto nas ruas

Shot001

A partir de hoje (01), até 29 de abril, o Leão abre a boca para receber as declarações do Imposto de Renda 2016. Segundo os dados da Receita Federal, o Brasil tem 28,5 milhões de contribuintes. Os programas para preenchimento e transmissão podem ser baixados aqui.

Mas como o fisco pode “transferir” para si o seu sigilo bancário, sem autorização judicial, poderíamos acabar com a hipocrisia declaratória: o Leão deveria poupar ao contribuinte o trabalho de preencher declarações e debitar o valor do imposto, já apurado com a “transferência de sigilo”, na conta bancária do indigitado.

linha

Sai Cardozo

Shot002

Eduardo Cardozo (foto) confessou a amigos que deixou o a Pasta da Justiça porque “não aguentava mais as pressões de Lula e do PT para deixar o cargo”. Se a versão foi esta só a presidente Dilma sabe, mas é fato Lula culpa Cardozo pelo avanço das investigações da Operação Lava Jato.

“O Zé Eduardo não controla a Polícia Federal", costuma reclamar Lula, sem parcimônia, a que Cardozo tem retrucado que “sempre rejeitou interferências externas na corporação e que a PF age de forma independente".

Como Cardozo é um dos mais chegados colaboradores de Dilma Rousseff, ela o nomeou para a Advocacia-Geral da União, de onde Luís Inácio Adams já tinha pedido para sair há algum tempo.

linha[5]

Entra Wellington César

Shot003

Substituiu Cardozo no Ministério da Justiça o procurador do Ministério Público da Bahia Wellington César (foto) que faz parte da prelazia do ministro chefe da Casa Civil, Jaques Wagner (PT), o que reforça as posições de Lula no governo.

Cézar é Mestre em Ciências Criminais e doutorando em Direito Penal e Criminologia, e considerado um progressista nos meios políticos baianos.

linha

STF nega indulto a José Dirceu

Shot004

O ministro Luís Roberto Barroso, do STF, negou ontem (1) o pedido de indulto feito por José Dirceu (foto). Barroso fundamentou o indeferimento no fato de Dirceu estar preso preventivamente sob acusação de crimes na Lava Jato, opinando que poderá reapreciar o pedido positivamente se Dirceu for absolvido por Moro nesse novo processo.

Politicamente a decisão é um sucesso: a maioria dos brasileiros quer que José Dirceu venha a necrosar no cárcere. Juridicamente, já que Dirceu preenche todos os requisitos do decreto de indulto, a decisão é uma escatologia como tantas que o STF tem proferido desde que virou um tribunal popular, pois o fato dele ainda poder vir a ser condenado em outro processo não é impeditivo da concessão de indulto em uma condenação diversa, que já se encontra em execução de sentença e em fase que se insere no instituto.

Se indultado e posteriormente condenado, ele voltaria à prisão para cumprir a nova pena.

linha

Não se sabe até quando

Shot005

Conta o Lauro Jardim, que no dia da Operação Acarajé, o pai de Marcelo Odebrecht (foto), Emílio Odebrecht, reuniu os presidentes das empresas controladas pelo grupo para debater a hipótese de opinar pela delação premiada, como forma de devolver ao grupo a condição de planejamento sem sustos.

Os presidentes teriam opinado ser esta a melhor solução, mas Emílio admitiu que “a empresa só dará este passo quando Marcelo concordar”.

Marcelo Odebrecht, todavia, preso há oito meses no Paraná, resiste bravamente, não se sabe até quando.

8 comentários:

  1. Nº 40, terça-feira, 1 de março de 2016 COMPANHIA DOCAS DO PARÁ
    AVISO DE ALTERAÇÃO
    PREGÃO Nº 5/2016
    Comunicamos que o edital da licitação supracitada, publicada
    no D.O.U de 16/02/2016 foi alterado. Objeto: Pregão Eletrônico
    - Contratação de empresa para realização de treinamento e simulados
    do Plano de Emergência Individual - PEI para as unidades portuárias
    de Belém, Outeiro, Vila do Conde e Santarém, em conformidade com
    o edital e seus anexos. Total de Itens Licitados: 00001 Novo Edital:
    01/03/2016 das 08h00 às 12h00 e d13h00 às 17h00. Endereço: Av.
    Presidente Vargas Nº 41 - Centro Campina - BELEM - PA. Entrega
    das Propostas: a partir de 01/03/2016 às 08h00 no site www.comprasnet.gov.br.
    Abertura das Propostas: 18/03/2016, às 09h00 no site
    w w w. c o m p r a s n e t . g o v. b r.
    LUIS FERNANDO DE ALBUQUERQUE
    MOREIRA
    Pregoeiro
    (SIDEC - 29/02/2016) 399005-39814-2016NE243900
    AVISO DE REABERTURA DE PRAZO
    PREGÃO Nº 23/2015
    Comunicamos a reabertura de prazo da licitação supracitada,
    processo Nº 1805/2015. , publicada no D.O.U de 17/11/2015 . Objeto:
    Pregão Eletrônico - Contratação de empresa para a prestação de
    serviços de suporte tecnológico ao ambiente de tecnologia da informação
    e comunicação da Companhia Docas do Pará ? CDP, em
    conformidade com o edital, seu termo de referência e demais anexos.
    Novo Edital: 01/03/2016 das 08h00 às 12h00 e d13h00 às 17h00.
    Endereço: Av. Presidente Vargas Nº 41 - Centro Campina - BELEM
    - PAEntrega das Propostas: a partir de 01/03/2016 às 08h00 no site
    www.comprasnet.gov.br. Abertura das Propostas: 18/03/2016, às
    10h00 no site www.comprasnet.gov.br.
    LUIS FERNANDO DE ALBUQUERQUE
    MOREIRA
    Pregoeiro
    (SIDEC - 29/02/2016) 399005-39814-2016NE243100

    ResponderExcluir
  2. Francisco Márcio01/03/2016 09:14

    Passei uns dias ausente da leitura habitual do blog. Percebo que a regularidade voltou. Parece que o mar já está pra peixe na CDP. Certo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é igual àquele bolero cantado pelo Iglesias: "as vezes sim, as vezes não...".

      Excluir
    2. Parsifal nós que gostamos do teu blog ficamos de olho! E as vezes nos preocupamos! Abraços

      Excluir
  3. o preso cumprindo os requisitos o magistrado é (deveria ser)obrigado a concede-lo?

    ResponderExcluir
  4. Enquanto blogueiro até entendo que você responda "as vezes sim, as vezes não". Por outro lado, é inaceitável que um presidente de empresa assim proceda. Isso mostra absoluta falta de rumo. Não tem estratégia, não sabe o que fazer diante de um cenário reconhecidamente complexo o que não lhe exime de responsabilidades. Francamente!!! Este é o resultado das nomeações políticas para cargos técnicos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As vezes sim, as vezes não. E presidentes de empresas não são cargos técnicos e sim políticos, tanto em empresas públicas quanto privadas. Cargos técnicos são as gerências. Mas mesmo aí, voltamos à música: as vezes sim, as vezes não.

      Excluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.