10/03/2016

De prontidão

Shot 011

O comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas, em mensagem interna aos oficiais da reserva, na última sexta-feira (4), dia em que Lula foi conduzido coercitivamente pela PF, epistolou que a instituição terá posição "pacificadora em busca da conservação da ordem pública".

"A manutenção da paz social e o esforço para evitar-se a desagregação do Estado devem ser objetivos de toda a sociedade brasileira. É mister que os atores envolvidos se posicionem de forma serena, independentemente do viés ideológico", diz a nota assinada pelo general.

Foi isso, inclusive, que o exército argumentou quando protagonizou o golpe de 1964. Era apenas para “devolver” ao Brasil a paz social, o que durou uma ditadura de 20 anos.

É melhor alguém avisar ao general que o estado brasileiro não está em risco de desagregação, ao contrário, as instituições, principalmente o Poder Judiciário, se fortalecem no processo, e que nenhum ator, em nenhuma parte do mundo, se posiciona independentemente do viés ideológico, pois o ser político, até mesmo aquele que defende uma ditadura, é conduzido pela sua ideologia.

Eu hein, tem gente que, mesmo à guisa de defender a democracia, só sabe dar ordem unida e requerer continência.

7 comentários:

  1. meu nobre ex deputado,esses velhos generais não mandam nem nas suas casas kkkkk os tempos são outros , até se questiona pra que gastar tanto com forças armadas se hj nem pra fazer defesa urbana servem.tudo sediado em capital coçando saco e do jeito que sao treinadas nao aguentam um dia de conflito. deu certo nos morros????? saíram td de rabo entre as pernas pensando bobagem e nossas fronteiras invadidas.tenha medo não. so late , não mordem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é o que tu pensas socialista psicopata pervertido! Não subestimem vermes vermelhos as nossas Forças Armadas, ou vocês acham que a mesma está sob controle e domínio dos comunas ....Quem viver verá ! As Forças Armadas, não "ladram" nem "mordem" mas agem como crocodilos, ou seja; ficam só observando o ambiente à sua volta, se fazendo de morto e quando a presa (os comunas) acha que está segura e livre dos predadores (os militares) e se lança ou se aventura em busca de seu alimento (a anarquia/desordem) é o momento do crocodilo entrar em ação com os seus dentes afiados e sedentos (arsenal bélico) para estraçalhar a presa (os comunas) com uma voracidade inimaginável e com tamanha brutalidade !

      Excluir
  2. Parsifal, aprecio suas postagens, porém discordo desta, Vamos aos fatos:

    - É melhor alguém avisar ao general que o estado brasileiro não está em risco de desagregação (( "O PT e Lula promovem a baderna e a luta de classes entre a população"))
    - ao contrário, as instituições, principalmente o Poder Judiciário, se fortalecem no processo ((""assistimos o aparelhamento de tribunais, de instituições e estatais, a serviço de um plano diabólico de poder do PT turbinado pela corrupçao"))
    - e que nenhum ator, em nenhuma parte do mundo, se posiciona independentemente do viés ideológico, pois o ser político, até mesmo aquele que defende uma ditadura, é conduzido pela sua ideologia ("ele quis dizer ideologia partidária esquerdista caviar, liderada pelo milionário LULA que mora em 2 coberturas, fatura milhões e segundo a Lava Jato é o mandante do grupo que roubou bilhoes do Brasil)
    Sou médico e não sou filiado a nenhum partido.

    ResponderExcluir
  3. É só perguntar a qualquer brasileiro de bem e que não seja ptralha o desejo deles. Eles querem que os militares voltem para acabar com esta farra destes politicos que a maioria só com meio mandado ficam ricos com trambicagens. Avante militares!

    ResponderExcluir
  4. Realmente só a volta dos militares ao poder nos livraria do que estamos passando. É muito roubo para somente um Juiz resolver. Voltem militares!

    ResponderExcluir
  5. Anonimo das 15:25 achas que tens razão quanto aos militares ou estais só brincando?

    ResponderExcluir
  6. Mestre? Chico Barão. Os militares e o Juiz Moro são as ultimas esperanças de acabar com estas roubalheiras da maioria destes politicos. Só os politicos e a ptralhada são contra isto.

    ResponderExcluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.