12/02/2016

Apenas outra história de amor…

Norwood Thomas, 21 anos, era um paraquedista da USAF (Força Aérea dos EUA) durante a Segunda Guerra Mundial. Servindo em Londres, Thomas conheceu Joyce Morris, 17 anos. Apaixonaram e um foi o primeiro amor do outro.

shot 028

Com pouco tempo de namoro, em junho de 1944, Thomas partiu à França, onde participou da emblemática Operação Overlord, mais conhecida entre nós como Batalha da Normandia ou Desembarques da Normandia, de onde não mais voltou à Londres, retornando direto para EUA após o fim da Guerra.

Os dois ainda mantiveram correspondência por algum tempo, até que Morris mudou-se para a Austrália e Thomas para a cidade independente de Virginia Beach, quando perderam contato.

j1Thomas enviuvou após 56 anos de casado. Morris divorciou-se após 30 anos de casada. Ambos confessam que, após a separação, pela morte e pelo divórcio, não mais se interessaram por ninguém e passaram a alimentar o desejo de reencontrar o primeiro amor.

Ouvindo o desejo da mãe, Robert, embora duvidando que Thomas ainda estivesse vivo, cassou-o na internet. Um dia, viu uma reportagem de um senhor que, aos 90 anos, praticava mergulho. O nome do mergulhador ensimesmou-o: Norwood Thomas.

Em contato com a emissora que fez a reportagem, Robert localizou Thomas e constatou tratar-se da pessoa que a sua mãe procurava. Mas ambos não tinham condições financeiras de viajarem, ele até a Austrália, ou ela até os EUA.

Ao saber da história, a população de Virginia Beach, através de uma campanha, arrecadou os recursos para custear a viagem de Thomas até Adelaide, na Austrália, onde vive Morris.

Ontem (11), após 72 anos sem se ver, Norwood Thomas, 93 anos, e Joyce Morris, 88 anos, reencontraram-se.

Veja abaixo o momento do reencontro dos dois:

É como cantou Louis Armstrong, naquela belíssima composição de George Weiss e George Douglas, “What a wonderful world”: esse mundo é lindo...

2 comentários:

  1. http://www.segurancaportuariaemfoco.com.br/2016/02/portuarios-do-para-conquistam.html

    ResponderExcluir
  2. És um romântico incorrigível...que legal!

    ResponderExcluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.