02/12/2015

BTG Pactual vende seus principais ativos

Shot 001

O BTG Pactual age rápido para não permitir que a prisão do seu principal acionista, André Esteves, repercuta negativamente na solidez financeira do grupo, cujo valor de mercado de R$ 34 bilhões, faturou, em 2014, R$ 6,7 bilhões e teve lucro de R$ 3,4 bilhões.

Imediatamente após a prisão de Esteves, constatando que o evento derrubou as ações do grupo, subtraindo-lhe aproximadamente R$ 9 bilhões de valor de mercado em apenas dois dias, o board negociou a renúncia de Esteves da presidência e elegeu para ocupar a vaga o sócio Pérsio Arida, que presidiu o Banco Central no primeiro semestre de 1995.

Na mesma ocasião, para provar liquidez aos investidores para o caso de uma eventual corrida de saques, o BTG Pactual negociou a venda de uma das joias da sua coroa: a fatia de 12% dos hospitais D’Or São Luiz, a maior rede de hospitais privados do Brasil, ao fundo soberano de Cingapura (GIC).

O negócio foi fechado em dois dias e anunciado hoje pela manhã. O BTG receberá R$ 2,38 bilhões na operação.

Mas a busca de liquidez no caixa prossegue: foi ofertado ao GIC, um dos fundos de maior liquidez do mundo, as participações do banco na rede de estacionamentos Estapar, no Uol e na Petro África.

O BTG Pactual quer, rapidamente, colocar nas gavetas dos seus caixas, para saque imediato de quem quiser fazê-lo, um total de R$ 10 bilhões.

É a operação correta para manter os dedos.

3 comentários:

  1. Zika Vírus, o 'micro baby boom' e os desafios a seguridade social brasileira em 2016:

    A continuar o surto de Zika Vírus e o efeito nunca antes estudado: a microcefalia em recém nascidos, há de se temer em 2016, quando o verão e a estação chuvosa estiverem intensos, é grande o risco de um baby boom de crianças na condição de portadores desta anomalia, que certamente vão depender a vida inteira da seguridade social brasileira.

    Talvez as mulheres em melhores condições econômicas possam buscar refúgio no estrangeiro durante uma desejada gravidez, mas as pobres certamente não terão esse privilégio. E ainda é muito cedo para se colher resultados positivos do que chamam 'conscientização social no combate ao mosquito'.

    ResponderExcluir
  2. a melhor alternativa é o combate ecologico ao mosquito. Certo dia fiz breve pesquisa na internet e vi que já descobriram muita coisa a esse respeito, mas o povo (incluindo os politicos) é egoista, retrogrado e zombeteiro.
    quanto ao Pactual, é um dos bancos que muito prejudicaram os investidores. maltrata acionistas quando faz uma reestruturação, maltrata investidores de fundos imobiliarios, etc.
    faltam normas no sistema financeiro que combatam o ladroismo.

    ResponderExcluir
  3. ainda sobre o problema dos mosquitos, cabe lembrar que os vasos de plantas ornamentais geralmente regados são criadouros desses insetos.
    o link a seguir contem informações sobre meios ecologicos de cobate.

    http://www2.ib.unicamp.br/profs/eco_aplicada/arquivos/artigos_tecnicos/C%20B%20de%20mosquitos%20eu+lu%202004.pdf

    ResponderExcluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.