07/08/2015

Hiroshima e Nagasaki nunca mais

Shot002

Alunos de uma escola de Chandigarh, na Índia, participam de um evento de pintura de rosto para lembrar o 70º aniversário dos bombardeios atômicos de Hiroshima e Nagasaki, ontem (6).

A foto é de Ajay Verma, para a Reuters.

7 comentários:

  1. Dr. Parsifal,
    Da região de Tucurui, saberia informar quantos Expedicionarios (Pracinhas) participarem das forças armadas Brasileiras que lutaram contra os alemaes na Itália ?. A força brasileira, com mais de 25 mil soldados, embarcou para a Itália no segundo semestre de 1944, uns 2 meses depois da invasão aliada na Normandia, no famoso dia D. Na batalha de Monte Castelo, em 1945, as tropas brasileiras derrotaram o exercito Germanico.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De Tucuruí foram dois. Os dois já morreram, mas sempre desfilavam no 7 de setembro.
      Aliás, assisti um filme documentário, "A Estrada 47", que finalmente fez jus à FEB. Vou fazer uma resenha pro blog.

      Excluir
  2. Dr Parsifal,
    Aguardamos o texto sobre o filme "A Estrada 47". É louvável saber que o cinema brasileiro foca suas lentes para a FEB e sua atuação na fase final da segunda guerra. Também tem 2 documentáros, com fotos e depoimentos, sobre os Pracinhas e a FEB : " A cobre fumou" e 'Senta a pua". Tenhos estes 2 documentários em DVDs, aqui em Tucurui.




    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já vi os dois. Esses são documentários mesmo. O "A Estrada 47" é mais ficção, mas não foge em nenhum instante dos fatos que ocorreram e mostra o lado humano dos componentes da FEB.
      É o melhor filme sobre a FEB.

      Excluir
  3. Ao lado da França , Inglaterra e USA estava o Brasil da FEB com 25 mil soldados.
    Depois de sofrerem um ataque de pânico coletivo, no sopé do Monte Castelo, os militares brasileiros, Piauí, Tenente, Guimarães e Laurindo tentam descer a montanha, mas acabam se perdendo um do outros.
    Ao se reencontrar, precisam decidir se retornam para o batalhão e correm o risco de enfrentar a Corte Marcial por abandono de posto, ou voltam para a posição da noite anterior e se arriscam a enfrentar um ataque surpresa do inimigo.
    Vale ver quem poder achar esse filme.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É o melhor filme já feito sobre a FEB. Aliás, ele não é sobre a FEB e sim sobre os homens.

      Excluir
  4. ouvi dizer que a maioria dos que foram para a guerra não eram militares, eram civis humildes.

    ResponderExcluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.