06/02/2015

Aldemir Bendine, presidente do Banco do Brasil, é o novo presidente da Petrobras

Screen 007

Quando o mercado esperava uma proeminente figura para presidir a Petrobras e tirá-la da crise, inclusive com reação positiva nas bolsas com o anuncio da substituição de Graça Foster, a presidente Dilma fez a montanha parir um rato: escolheu hoje (6) o presidente do Banco do Brasil, Aldemir Bendine, personagem tosca da seara top dos executivos de que dispunha, para o cargo.

A reação do mercado foi de frustração e as ações da Petrobras caíram 6% logo depois do anúncio e deverá cair mais ao longo do dia.

Especula-se que Bendine foi sugestão do ex-presidente Lula (Bendine foi indicado por ele, em 2009, para o Banco do Brasil), que também indicara o ex-presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, que não aceitou meter a mão no barril.

Bendine terá autonomia para montar a sua equipe, o que é bom, pois a Petrobras, um colosso com soluços, precisa de novos ares, sem interferências políticas.

4 comentários:

  1. O planalto nao perdoou o Roger pelo que fez na saída da CVRD. Seria um nome forte mas Roger fechou as portas e janelas qdo saiu da Vale.

    ResponderExcluir
  2. Nobre Deputado,
    Lauro Jardim escreveu que não foi só a dificuldade de encontrar um executivo do mercado em 48 horas que fez Dilma Rousseff escolher Aldemir Bendine para presidir a Petrobras.

    Um ministro que participou das conversas sobre a escolha explica que Dilma queria uma pessoa que cumprisse as tarefas delegadas pelo governo – entre elas blindar o Palácio do Planalto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em primeiro lugar, esse ministro, se existiu (alguns articulistas colocam as próprias opiniões na boca de outros que lhes dêem credibilidade) deveria ser exonerado. Mas creio que é invenção do Jardim, pois Dilma não reuniria com ministros para tal.
      Depois, não creio que um presidente da Petrobras possa blindar o Planalto se o gabinete tiver brechas.

      Excluir
    2. Os analistas políticos são praticamente unânimes em considerar essa indicação como um meio de manter algum controle dentro da PETROBRÁS, principalmente em relação às análises internas (auditorias) em andamento. Sem considerar que esse senhor é um fantoche do Palácio do Planalto.

      Excluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.