09/12/2014

Mais um deus na magistratura

No sábado passado (6), no aeroporto da cidade de Imperatriz, no Maranhão, deus desceu mais uma vez à Terra, encarnando em um juiz.

Desta feita foi o juiz da comarca de Senador La Rocque, no Maranhão, Marcelo Baldochi, que pegou santo e saiu dando voz de prisão aos funcionários da TAM, que ousaram lhe avisar que, por conta de ele ter chegado atrasado, não mais poderia embarcar, pois a aeronave, embora em solo, já tinha fechado as portas e preparava a rotina para decolagem.

Shot 009

"Ele ligou para a polícia para que viessem prender o funcionário. Ele ficou gritando no aeroporto, deu show de arrogância, de grosseria", relatou um servidor terceirizado do aeroporto que presenciou o show.

Segundo matéria do UOL, o juiz é conhecido no Maranhão “por se envolver em polêmicas” e respondeu processo por ter sido flagrado, em 2007, mantendo em uma das suas fazendas trabalhadores em condições análogas à escravidão.

Em 2012, o demiurgo se envolveu em uma discussão com um flanelinha e acabou sendo esfaqueado.

Ao tomar conhecimento do episódio, a AMB (Associação dos Magistrados Brasileiros) publicou nota reprovando a atitude do juiz, que classificou como “abuso de poder e de autoridade."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.