13/11/2014

De Marta para Dilma, sem amor

Shot 005

A carta de demissão da ministra da Cultura, senadora Marta Suplicy é uma amostra grátis das dificuldades do PT com o Planalto e consigo mesmo, que pronto já se vê às voltas com a sucessão de Dilma antes mesmo de ela ter inaugurado o segundo mandato.

Marta saiu esmurrando a porta. Instou a presidente a escolher “uma equipe econômica independente, experiente e comprovada, que resgate a confiança e credibilidade ao seu governo”, ou seja, enristou o indicador a Dilma opinando que o governo não goza de confiança e nem de credibilidade.

> Volta Lula fritou Marta

Embora sem influência no Planalto, Marta Suplicy elegeu-se senadora pelo estado mais importante do Brasil, São Paulo, e teve 8,3 milhões de votos.

O fato de se ter exposto na onda “volta Lula” no período pré-eleitoral, fez Dilma colocar Marta na caçarola, como venceu, e considerando o que Marta representa, deveria ter chamado a ministra às aparas. Mas é do caráter de Dilma achar que o fato de ser presidente, e reeleita, lhe basta para governar.

> Só fala, mas não exercita

Dilma apenas faz o discurso do diálogo: não o pratica. Por isso deverá começar 2015 com uma base estrupidante, principalmente se o peemedebista Eduardo Cunha, um dos seus maiores desafetos, mesmo contra a vontade do Planalto, vier a ser eleito presidente da Câmara.

Para arrematar um 2015 chafurdado para o Planalto, é questão de tempo chegar à Praça dos Três Poderes o inteiro teor das delações feitas no caso de corrupção na Petrobras que, segundo quem já degustou, deixa o mensalão como troco.

No meio dessa nublosidade, Dilma Rousseff precisar-se-ia poupar que um ministro voltasse ao Senado ressentido, pois ali Marta será pasto fértil para abanar o jogo da oposição, tanto que Aécio Neves, recém-batido nas urnas por Dilma, tão pronto soube da carta de demissão de Marta, apurou-se à tribuna para dizer que concorda com tudo o que a petista escreveu.

Um comentário:

  1. Só tenho uma coisa pra dizer à companheira Marta: "Relaxa de goza". kkkkkk

    ResponderExcluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.