15/07/2014

Simão Jatene explica o aumento de 274% do seu patrimônio em menos de 4 anos

O governador Simão Jatene postou na sua fanpage do facebook, o que seria a explicação sobre o aumento do seu patrimônio pessoal em 274% em menos de 4 anos.

Shot 006

Em um texto de 570 palavras, Jatene dedilha 474 afirmando que, comme d'habitude, é um ser ético, e no estribilho desanca “o grupo político comandado por conhecido ramo da família Barbalho”. Esta é a embalagem do discurso.

No conteúdo do embrulho o governador se desmente, pois sempre afirma que usa as palavras para revelar e não para esconder: escondeu o que deveria ser a explicação em meras 96 palavras, abaixo coladas:

“Finalmente, ressalto que, diferente do procedimento adotado em 2010, encaminhamos ao TRE em 2014 a relação de todos os bens que integram minha declaração para o Imposto de Renda, incluindo os que são, por herança, de propriedade exclusiva de minha esposa. Só como exemplo, a inclusão do apartamento no Ed Montvert e de suas benfeitorias, devidamente registrado no Cartório de Registro de Imóveis do 2º Ofício em nome do cônjuge, representa um acréscimo de mais de 1 milhão de reais, o que, somado às nossas rendas nos últimos 4 anos, explicam o crescimento patrimonial identificado.”.

Do explicado, tem-se exatos R$ 1.085.000,00. Faltou explicar exatos R$ 867.666,52, que é a diferença do chega. Tentando descobrir no texto o que Jatene quis esconder, o quociente da aritmética pode vir a ser “o que, somado às nossas rendas nos últimos 4 anos, explicam o crescimento patrimonial identificado”.

A conta não fecha: ainda não se passaram quatro anos, portanto o dividendo está equivocado. Antes porque as rendas são para a manutenção do cotidiano, ou não?  Mas, em se tomando isso como verdade, convenhamos que Simão Jatene é muito bem pago...

Embora eu não tenha recebido a tal explicação, em respeito a um leitor do blog que postou a ligação em um comentário, para ler o inteiro teor dela clique aqui.

34 comentários:

  1. De fato, a explicação não me convenceu. Agora, quero saber a explicação dos demais candidatos, notadamente do Barbalho que já amealhou mais de 2 mi, sendo que o seu último "emprego" foi por 8 anos ser prefeito de Ananindeua que que paga subsídio de 12 mil reais. Quero ver o Helder Barbalho postar no Facebook.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A explicação deve ser a mesma do Jatene: a renda de vereador por 4 anos, de deputado por mais quatro e a de prefeito por 8 anos. Isso somado até passa do valor patrimonial declarado. É o Jatene fazendo escola...

      Excluir
    2. Ou seja, são tudo do mesmo saco. Ainda assim quer pedir voto pro helder?

      Excluir
    3. Deputado não estou aqui pra defender ninguém, não obstante o Helder Barbalho só passou 2 anos como vereador de Ananindeua eleito em 2000;depois foi eleito deputado estadual em 2002 ficando também só 2 anos,pois em 2004 foi eleito prefeito de ananindeua onde passou 8 anos.Sendo assim a afirmativa acima não procede.

      Excluir
    4. Tire os 4 anos e a lógica será a mesma. Se, como o Jatene explicou, o que se ganhou não se gastou para subsistência, dá até mais do que o totalizado.

      Excluir
  2. Só vejo uma explicação nisso tudo!!! Ele, Jatene, votará na Dilma, afinal, em 4 anos seu patrimônio cresceu tudo isso, tá mais do que satisfeito.

    ResponderExcluir
  3. Ei, deputado, refaça a conta: tirando o milhão a diferença entre as duas declarações cai para menos de 1 milhão e não 2 como o senhor coloca.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O texto já está retificado. Obrigado pela observação.

      Excluir
  4. Isso é uma bobagem sem tamanho. Todos sabemos que Helder e Jatene têm patrimônios muito superiores aos 2 mi declarados, assim como a maioria dos candidatos. Será que Helder não tem um veículo sequer? Será que ele vende a parte dele no Grupo RBA pelo valor declarado com um bônus de 200%? Vamos ser pragmáticos e discutir o que o Pará precisa mudar, senão o mote dessa campanha será quem é o mais honesto, quando sabemos que nenhum político (pelo menos que eu conheça) é 100% honesto. De bem intencionado o TRE-PA tá cheio de candidatos, mas honestos o bastante para dizer : "tenho R$100 milhões em patrimônio e tá tudo declarado" , não aparece um.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse negócio de honestidade é igual aquela história que diz que não existe mulher fiel e sim a mulher mal cantada. Quem é 100% honesto afinal? E em se tratando de políticos e de políticos a pergunta é a seguinte: Qual o político 30% honesto?

      Excluir
    2. Se pegar as declarações que estão no TRE e tomar elas como verdades os pobres candidatos estão em petição de miséria. Tem uns que, coitados, já são deputados há 4 mandatos e não têm uma casa pra morar. Coitados...

      Excluir
    3. Parsifal, o Jatene tem tudo da viúva. Dos stents a cibalena, por isso ele pode guardar tudo o que ganha. Farias diferente?

      Excluir
  5. Heranças do PSDB?! O patrimônio do cambaleante presidenciável tucano, Aécio Never, cresceu 365% em 04 anos e ele também afirmou que "foi herança"! Eita, pessoal para "merdar", quer dizer, "herdar"!

    ResponderExcluir
  6. Depois dessa explicação do governador Jatene, só falta agora ele dizer que sempre foi meio-virgem. Me parece que é, isto sim, cínico e dissimulado.

    ResponderExcluir
  7. A PISADA ENTRE O SONETO E A EMENDA

    Parsifal

    Ou eu sou o mais completo idiota já fabricado no nordeste ou a turma da justiça faltou na aula de interpretação de texto!

    Na declaração imagino que escrita e assinada onde o governador diz “Finalmente, ressalto que, diferente do procedimento adotado em 2010, encaminhamos ao TRE em 2014 a relação de todos os bens que integram minha declaração para o Imposto de Renda” ninguém nota que se em 2014 o governador agiu diferente de 2010 em uma das duas vezes ele não fez sua declaração de bens como deveria fazer!

    Mas se houver uma segunda leitura da para notar que ele também afirma que em 2010 pisou na verdade e escorregou ao não declara TODOS OS BENS!

    Bem você que é um dos representantes do povo paraense poderia mandar um escrito para quem de direito perguntando se o correto foi a declaração de 2010 ou a de 2014?

    O povo quer saber, talvez não todos que acompanham o Círio, porem os aptos para votar nessa eleição tenho certeza que querem!

    ((((MCB))))

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O próprio declarante confessa que suprimiu da Justiça Eleitoral informações de bens em 2010. Tal omissão não tem mais repercussão eleitoral, mas teria repercussão penal caso o MPF desejasse agir.

      Excluir
    2. Até as pedras da orla do maçarico sabem que podem ter várias explicações para a não apresentação dos bens...estou dando um de "advogado do diabo" - só para exemplificar:

      1 - Mudanças de conceitos, normas ou mesmo regras na interpretação do que deve ser declarado como bens junto ao TRE;

      2 - A inclusão dos bens de um cônjuge na declaração do outro;

      3 - Em se tratando de herança, o término de inventários (tanto do 1º marido, como dos genitores).

      Não sejamos leviamos de sempre tendermos para o pior...

      Excluir
    3. Em política, sempre tendemos para o pior.

      Excluir
    4. Deputado, dentro dessa ótica de que em política sempre a tendência é se pensar no pior, fico preocupado com os rumos da mesma de de seus atores...

      Sei que a maioria das pessoas pensa que os outros irão se comportar como elas se comportariam diante de uma determinada situação.

      Isso é muito preocupante quando se trata de nossos representantes para decidir, definir e planejar os rumos de um país.

      Excluir
    5. Mudemos os atores. Só se muda a política mudando os políticos. Mas jamais deixe de observar quem elege e sob este prisma, seria, idem, necessário mudar os eleitores, ou seja, mudemos nós.

      Excluir
  8. Discutir "sexo dos anjos" só vai levar a uma campanha "baixa e medíocre". Francamente Deputado, não subestime seus eleitores com postagens desse nível.

    Pesquise as propostas de governo, o passado dos candidatos, de seus ancestrais (lembre que herança não se restringe a bens materiais ou políticas - as mais perigosas são as "genéticas"),

    Com base nessas informações, tão importantes para nós, eleitores, poderemos começar a acreditar que eleição é coisa séria e não quem tem mais ou menos grana.

    Pense nisso Deputado e eleve o nível da discussão. não caia na "vala comum" sempre protagonizada pelo PT quando apontava o dedo e dizia que todos eram safados, corruptos e ladrões (inclusive os que hoje são ou estão seus aliados).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pesquise no blog. As postagens que tratam de propostas, ancestralidades, física quântica, poesias, literatura, artes plásticas, ciência política e genética, são as que menos têm comentários e acessos e elas são 95% das postagens do blog.
      As que têm mais acessos e comentários são essas que você classifica de "baixas e medíocres". Resta saber: baixas e medíocres para quem?

      Excluir
    2. 95% do interesse por uma notícia, gira em torno de como o redator enfoca o assunto.

      "Jogando um pouco de confete", ouso dizer que o senhor, inteligentemente, sabe como atrair o interesse de seu público.

      Paralelo a isso, gosto muito quando de um comentário que vai de encontro ao que a matéria induzia com que V. Excia, embora entenda onde se quer chegar, responda com aspereza e escorregue em relação ao que realmente se esperava como resposta.

      Excluir
    3. Não, você está equivocado. 100% dos leitores focam as notícias que lhe interessam e não como o redator a foca. O redator tem que saber dividir as notícias pelo gosto do leitor, e isso é a primeira aula de redatoria.
      Os jornais dividem as páginas por focos de interesses baseados em pesquisas dos gostos dos seus leitores.
      As partes mais lidas (nessa ordem) são os painéis (Repórter 70, Repórter Diário...), onde o leitor busca, especificamente, o assunto que lhe interessa e não lê o resto; a página policial, e alguns jornais dedicam um caderno a isso (e quanto mais sangue na página mais ela é lida - é a novela do burlesco) e por fim a página de esportes (mais especificamente futebol) para o qual os jornais também dedicam um caderno.
      A política vem depois dos classificados, e dela, a maior parte só lê as manchetes. Mas quando a notícia sobre política é um escândalo, a leitura do escândalo chega a 100% dos leitores. Não se esqueça que o maior público do Coliseu eram as lutas de gladiadores e as feras devorando cristãos: escândalos. Ainda é assim.
      Este é um blog pessoal e reflete as minhas impressões sobre os assuntos que verso, portanto tendente as minhas razões. Se induz alguém é porque houve similaridade de juízo, pois néscios não leem blogs pessoais.
      As respostas são no mesmo nível do comentário. Não há delicadeza em réplica à brutalidades. Se alguém me contradiz com educação e lhaneza terá uma réplica no mesmo tom. Se destila má educação e grosseria a título de argumentos, leva bordoadas, má educação e grosseria, pois esse é um blog pessoal e esse sou exatamente eu. Jamais farei o menor esforço para representar o que não sou.

      Excluir
    4. Parsifal;

      O imóvel da Conselheiro entre 9 e AC foi incluído? As imensas invernadas lá em Inhangapi cheias de boi gordo foram? O apê do Leblon foi? E o dinheiro que pegou de volta da Porte idem? Esses caras tão ficando pobres na política...

      Excluir
    5. parsifal, esquecendo um pouco as "baixarias" podias daqui a pouco começar a postar alguns planos de governos e propostas do teu candidato.
      abraços e boa sorte!

      Excluir
  9. A parte legal da resposta do Jatene é quando ele desafia a todos os candidatos a chamarem a Receita Federal, o MPF e a Polícia Federal pra passarem a limpo suas declarações de renda e a vida pregressa de cada um....Quem se arriscaria????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não passa de uma hipocrisia de efeito. A Receita Federal, o MPF e a Polícia Federal não estão a serviço de bravatas e só podem ser acionadas para "passar a limpo" a declaração e a vida pregressa de alguém por determinação da Justiça Federal, que também não atenderia a uma bravata destas.

      Excluir
    2. se o jatene for passar a limpo a declaração dele nós iriamos infartar e acabar querendo passar o carnaval no apto do leblão :)

      Excluir
  10. Parece que a tal "ÉTICA" do Jatene, foi para as cucuias.

    ResponderExcluir
  11. Meus amigos, o mais importante nisso tudo é que estamos tendo a oportunidade de aposentar o senhor "ÉTICA".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ou não. Quem morre na véspera é peru. kkkkkk

      Excluir
  12. politica sempre politica um defendendo sua cuia.

    ResponderExcluir
  13. Essa resposta do AntiÉtico Jatreme deve ser respondida com uma pergunta: de quem Izabela Jatene, Beto Jatene receberam as heranças? Apartamento Leblon, apartamento em SP que mora Bruno Jatene, apartamento Da Porte hoje Quadra um da mãe, mais 1 beto e 1 izabela

    ResponderExcluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.