07/01/2014

Joaquim Barbosa decreta a prisão do deputado federal João Paulo Cunha

O presidente do STF, ministro Joaquim Barbosa, abriu os trabalhos de 2014 em desfavor do deputado federal João Paulo Cunha (PT-SP), determinando-lhe o início da execução penal.

Shot002

A decisão de Barbosa atinge Cunha no que toca à condenação a seis anos e quatro meses, em regime semiaberto, por corrupção passiva e peculato. O deputado informou que se apresentará hoje ao meio-dia, à PF.

Antes de Cunha os deputados que começaram a cumprir pena renunciaram aos respectivos mandatos, mas segundo a assessoria de Cunha ele não pretende renunciar.

O STF também condenou Cunha, em outro processo, a três anos de prisão por lavagem de dinheiro. Desta condenação cabem embargos infringentes, pois o deputado conseguiu 5 votos pela absolvição, requisito necessário para que o recurso seja recebido.

Caso o STF mantenha a segunda condenação, a pena de Cunha sobe para nove anos e quatro meses e ele será reduzido ao regime fechado.

Com a prisão de João Paulo Cunha sobe para 18 o número de condenados recolhidos presos em virtude do processo do mensalão.

4 comentários:

  1. Enquanto tudo isso acontece no Brasil, o mensaleiro Paulo Rocha posa de candidato aque no PARA.

    ResponderExcluir
  2. Carlos Simas07/01/2014 09:19

    Ai, ai, ai se essas rapinagens que o senador Barbalhão praticasse o que cometeu a pouco tempo atrás no Pará nos dias de hoje com o Barbosão no STF a guilhotina era pouco.

    ResponderExcluir
  3. É a teoria da PPPP (com os quatro "pês" preto, pobre, puta, petista)funcionando, de fato, com o domínio do fato do promotor Joaquim Barbosa. estamos inaugurando uma nova fase do mundo Jurídico Brasileiro. Enquanto isso, Roberto Jefferson, reu confesso no mesmo processo deve estar cantando placidamente Lupicínio Rodriques no recesso do seu lar.
    João Prado

    ResponderExcluir
  4. Os petistas que tanto se achavam telhado de vidro desmoronou. Lá também na sigla PT tem muito corruptos não é só no PMDB, PSDB, etc e tal...

    ResponderExcluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.