17/09/2013

Sinal dos tempos

Abaixo, os parágrafos iniciais do editorial de “O Liberal”, edição de hoje:

Shot007

E abaixo, a primeira nota do “Repórter Diário”, do “Diário do Pará”, edição de hoje:

Shot010

“O Liberal” e o “Diário do Pará” estão concordando um com o outro. É sinal que, de fato, o governo perdeu totalmente o controle da Segurança Pública no Estado. Os dois fatos ocorreram na capital. Coisas desse tipo ocorrem todos os dias, no interior.

19 comentários:

  1. "O Liberal" está acometido de uma crise existencial ou alguma coisa não está conseguindo do governo.Pode ser também que alguma entidade espiritual tenha alertado sobre o que pensa a população paraense.

    ResponderExcluir
  2. Parsifal,

    Logo no primeiro ano de governo, 2011, o governador adotando sugestão de seu então secretário de segurança pública, o mesmo que está no cargo até hoje, encaminhou um projeto de lei (PL 179/2011) à Assembleia Legislativa (interessante que o governador declarara meses antes que as finanças do Estado estavam combalidas, tinha encontrado o governo como “terra arrasada”, tendo editado o Decreto nº 5, de 9/1/2001).
    Pois bem, o projeto reestruturava a então Secretaria de Segurança Pública que passaria a chamar-se Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (bonito nome né? Pomposo, forte, a inspirar credibilidade. E esperança, esperança de dias melhores).
    A Associação e o Sindicato dos Delegados chegou a pedir ao governador que não sancionasse a lei, porque via ali um “trem da alegria”.
    É, é isso mesmo, um trem da alegria, com a criação de vários cargos - 178 DAS e 23 FG (função gratificada), totalizando 201 cargos, cargos que se seus ocupantes comparecessem diariamente ao prédio da Segup não conseguiriam sentar-se por falta de espaço. Era muito cargo, mas o governador findou por sancionar a lei que é a atual e vigente Lei Nº 7.584, de 28/12/2011, publicada na edição do DOE do dia seguinte.
    Para alguém nascido e morador da Suíça, da Inglaterra, do Canadá, a lei viria, num passe de mágica resolver o problema da segurança.
    Ledo engano.
    Vejam só alguns dos principais cargos da centena de cargos em comissão criados pela referida lei: 3 (três) secretarias adjuntas (de Gestão Operacional; de Gestão Administrativa; de Inteligência e Análise Criminal). É muita secretaria adjunta sô!
    E veja mais: Núcleo de Projetos Corporativos; Núcleo de Gestão de Resultados (?); Diretoria de Planejamento e Monitoramento; Diretoria de Administração e Finanças; Diretoria de Tecnologia da Informação e Telecomunicações; Diretoria de Prevenção Social da Violência e da Criminalidade; Diretoria de Inteligência Estratégica; Diretoria de Análise Criminal.
    Afora cargos de administradores, psicólogos, antropólogos, assistentes sociais, sociólogos, biblioteconomistas, pedagogos, engenheiros de telecomunicação, analistas criminais uf ...
    É muito cargo gente.
    Bem, se tudo isso fosse criado para melhorar a segurança, tudo bem, mas a realidade é a que os jornais vem noticiando.
    Nesses quase três anos de vigência da Lei 7584/2011, enquanto os ocupantes de cargos ficam entronizados em suas poltronas, em seus gabinetes, o povo vive o pavor do aumento de criminalidade, de insegurança.
    Parece que o governador Simão Jatene pensa que vai ficar eternamente no poder. Ele precisa lembrar que no atual sáculo 21 dois ex-governadores tiveram suas casa invadidas por assaltantes - Almir Gabriel e Hélio Gueiros.
    O tempo dirá.
    Mas, o governador tem ainda 15 meses para mudar essa realidade atroz.


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma dessas pirotécnicas SECRETARIAS ADJUNTAS, a Secretaria Adjunta de Inteligência e Análise Criminal foi ocupada por ANTONIO CLÁUDIO FERNANDES FARIAS, o "TOM FARIAS".
      Mas, quando ele foi condenado pela Justiça Federal, acusado de peculato em sua passagem pela administração do IFPA (antigo CEFET), o governador tratou de exonera-lo.

      Imagine um processado criminalmente dirigindo a Inteligência e Análise Criminal da nossa SEGUP. Pode?

      Vejam os decretos de nomeação e exoneração de "TOM FARIAS" ocupando a pomposa Secretaria Adjunta de Inteligência e Análise Criminal.

      DECRETO (DOE 24/01/2012 – terça-feira – cad. 1 - 9)

      O GOVERNADOR DO ESTADO RESOLVE:
      nomear, de acordo com o art. 135, inciso V, da Constituição Estadual, combinado com a Lei nº 7.584, de 28 de dezembro de 2011, ANTÔNIO CLÁUDIO FERNANDES FARIAS para exercer o cargo de Secretário Adjunto de Inteligência e Análise Criminal, com lotação na Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social, a contar de 1º de janeiro de 2012.

      PALÁCIO DO GOVERNO, 23 DE JANEIRO DE 2012.
      SIMÃO JATENE, Governador do Estado

      DECRETO (DOE de 21/11/2012 – quarta-feira – cad. 1 – 5)
      O GOVERNADOR DO ESTADO RESOLVE:
      exonerar, a pedido, de acordo com o art. 135, inciso V, da Constituição Estadual, combinado com a Lei nº 7.584, de 28 de dezembro de 2011, ANTÔNIO CLÁUDIO FERNANDES FARIAS do cargo de Secretário Adjunto de Inteligência e Análise Criminal, com lotação na Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social, a contar de 20 de novembro de 2012.
      PALÁCIO DO GOVERNO, 20 DE NOVEMBRO DE 2012.
      SIMÃO JATENE, Governador do Estado

      Excluir
  3. Simplismente não é só o Governo culpado de tudo, mas muita coisa tem que melhorar para o povo ter melhores políticas públicas. Vejamos cortar gastos público começando com os Deputados Estaduais que são muitos e não tem muita serventia''metade já bastasse'' pra não fazer nada, nada, nada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Próprio do comentarista sem nenhum argumento apropriado.Os fatos sempre se sobrepõem sobre falsos argumentos.Sem defesa a única saída é atacar a quem quer seja.A necessidade de estar sempre com o governo, mesmo que ele não preste, as vezes provoca comentários risíveis.

      Excluir
  4. As Delegacias viraram balcão de negócios, geralmente quando Um delegado famoso e um coronel famoso que despontam como ícones da segurança pública, quando eles prendem os bandidos geralmente um membro da gang foge com o dinheiro.Podem ler nas matérias dos jornais, no interior está tudo entregue, só a inteligencia da Policia civil não sabe do tráfico pesado que assola o estado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Secretário de Segurança sabe quem são os delegado e coronel famosos e nada faz. Por boa parte disso tenho certeza a inseguranca na nossa cidade está assim.

      Excluir
  5. Quando eles concordam me dá medo.
    Medo também quando alguém não sabe que quem promove políticas públicas é o governo.
    Medo quando dizem por aí que o Liberal quer o Mário Couto para governador.
    Nazica que nos salve. Amém!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não posso acreditar que o senador Mario Couto queira passar a perna no Jatene, amparado pelo O Liberal.

      Excluir
  6. As vezes por conveniências a verdade não aparece. Agora por obrigação, ou melhor pela revolta de um povo cansado de tantas lorotas, O Liberal se obriga a falar a realidade nua e crua.Custou mas não houve jeito, não pode mais jogar a realidade para debaixo do tapete.Começa a desmoronar o governo virtual (aquele organizado nos luxuosos gabinetes de marqueteiros)

    ResponderExcluir
  7. Meu caro Parsifal, Belém está a cada dia mais parecida com Chicago na década de 20 com a ascensão de AL CAPONE.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O presidente da OAB-PA Jarbas Vasconcelos declarou que Belém virou um "faroeste caboclo", lembrando os tempos no velho oeste americano que tudo se resolvia na bala dos revólveres.

      Excluir
  8. Amigo, o atual Secretario de Segurança Pública, só pensa em licitações, não quer nem saber de porra de criminalidade.

    ResponderExcluir
  9. Arma na mão do cidadão de bem já!

    ResponderExcluir
  10. Bo blog AS FALAS DA POLIS está sendo anunciado que um grande jornal irá publicar atos de abuso do Secretário de Segurança, conforme pode ser lido no link abaixo:

    http://diogenesbrandao.blogspot.com.br/2013/09/violencia-e-abuso-de-poder-no-alto.html

    ResponderExcluir
  11. Enquanto a bandidagem estava matando na periferia O Liberal não tinha medo.As "coisas" começaram acontecer em bairro como o de Nazaré,mais do que de repente apareceu até Editorial. O maior medo do Liberal é por conta de não divulgar a realidade, estava despencando em suas tiragens.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É meu caro, um professor de cursinho lá pela década de 80 adaptava um dito popular nos seguintes termos: "QUEM TEM CUIA, TEM MEDO"! Você tá com uma cuia de tacacá cheia fica com medo dela entornar e você ficar todo gomado rsrsrs

      Excluir
  12. É, a coisa tá feia mesmo, a segurança em estado de falência.
    Deputado, o senhor como representante do povo, encaminhe uma convocação do secretário de Segurança para ele dar explicações sobre a inaplicabilidade desse seu esquema (no bom sentido, sentido literal)de segurança. Por que não dá certo? O que está faltando? Será que ele não reclama porque quer levar sua gestão até o dia 31 de dezembro de 2014? E o povo teria que estar lá presente, com faixas indagando situações pelas quais somente o povo que não mora nos condomínios fechados é que está relativamente seguro. Olha, mas saiu do condomínio e passear na rua, está na linha de tiro dos bandidos! E as vezes de um tiro perdido dos policiais. Ai ai ...

    ResponderExcluir
  13. Gostei da manchete da postagem "Sinal dos Tempos".O Liberal já está pressentindo mudanças?Quem sabem sabe.O grupo é bem informado.

    ResponderExcluir

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.