20/09/2013

A Pegada do desperdício alimentar

Shot003

Enquanto 1 bilhão de pessoas passa fome, joga-se no lixo, todos os anos, 30% de toda a alimentação produzida no planeta. O percentual corresponde a 1,3 bilhão de toneladas de alimentos.

> Desperdício e meio ambiente

Além de um problema econômico e social (a ONU estima o custo do desperdício em US$ 750 bilhões de dólares por ano), a desídia tem nocivo efeito ambiental: para produzir os alimentos desperdiçados, usa-se cerca de 250 quilômetros cúbicos de água e cerca de 1,4 bilhão de hectares de terras, além de energia e produtos químicos.

> Desperdício alimentar é o 3° emissor de gases do mundo

A matéria orgânica apodrecida lança na atmosfera 3,3 bilhões de toneladas de dióxido de carbono por ano, o que é mais emissões de gases de efeito estufa do que qualquer país, exceto China e EUA.

> O mesmo desperdício; causas diferentes

Nos países industrializados o maior desperdício é causado por consumidores que compram e jogam fora o que não comem; nos países em desenvolvimento, o maior desperdício advém de uma agricultura ineficiente e da precariedade do armazenamento.

As constatações acima estão no relatório "A Pegada do Desperdício Alimentar", divulgado pela ONU na quarta-feira (11).

Se você lê em inglês (o relatório ainda não foi traduzido para o português), e desejar ler todo o relatório, clique aqui.

Um comentário:

Comentários em CAIXA ALTA são convertidos para minúsculas. Há um filtro que glosa termos indevidos, substituindo-os por asteriscos.